Após declarar que Leco era ‘ovelha desgarrada’, vice pede desculpas

O vice de futebol do São Paulo, João Paulo de Jesus Lopes, pediu desculpas publicamente ao vice-presidente do clube, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, após ter declarado que o dirigente era uma “ovelha desgarrada do nosso rebanho” por conta das próximas eleições no São Paulo.

– Eu tenho um apreço muito grande a ele, eu peço desculpas se ele se sentiu ofendido, peço desculpas publicamente. Eu citei “ovelha”, mas de uma maneira carinhosa, não foi para ofendê-lo, pois eu conheço ele há bastante tempo e gosto dele – declarou João Paulo, ao LANCE!Net.

Para concorrer às eleições presidenciais do clube que ocorrem em abril de 2014, o mandatário Juvenal Juvêncio declarou apoio a Carlos Miguel Aidar, o que gerou insatisfação por parte de Leco, que mantém a sua candidatura independente a do seu concorrente na situação e sonha em ser presidente do clube. A oposição é formada pelo pré-candidato Kalil Rocha Abdalla, ex-diretor jurídico da gestão de Juvenal, e também por Marco Aurélio Cunha.

Por conta disso, na última semana, João Paulo, membro da situação, afirmou que seria questão de tempo para que Leco se convença de que deve apoiar Aidar. Em resposta concedida ao L!, o vice-presidente do clube disse que não era ovelha e não fazia parte de nenhum rebanho.

Jogadores e membros da comissão técnica do São Paulo afirmam que o efeverscente cenário político do clube não interfere dentro de campo. No Brasileiro, o clube está próximo da zona de rebaixamento.
Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.