Agora é prá valer

Depois de mais uma participação na Flórida Cup, hora de ajustar os últimos detalhes para a estreia no Paulistão e, principalmente, deixar a equipe pronta e definida para as batalhas na Pré-Libertadores.

É bem verdade que trouxemos duas derrotas na bagagem, porém, da mesma forma que o título não significou nada pra gente há dois anos, essas derrotas também não servem para acharmos que tudo vai mal.

Particularmente, não gosto desse tipo de pré-temporada. Geralmente são jogos que viram uma bagunça generalizada nas substituições, os jogadores não têm tempo suficiente para mostrar alguma coisa e os torcedores nem sempre conseguem fazer uma leitura do objetivo que esses jogos têm. Ou seja, se ganha e levanta o caneco, acham que a temporada promete, mas se acontecem duas derrotas como essas, já aparece gente criticando o trabalho que mal começou.

Apesar de eu não achar muito válido esse tipo de torneio, mesmo sabendo que a grana é o principal motivo dos brasileiros toparem a disputa, é possível tirar conclusões positivas e negativas da atuação de alguns jogadores.

Começarei com minhas percepções negativas. Bruno Peres começou da forma que fechou 2018, muito próximo de se tornar o Bruno “Pereba”, no primeiro jogo, ele não conseguiu dominar uma bola fácil e fez pênalti na sequência. Continuo achando nossa dupla de volantes muito lenta, tanto para marcar, quanto pra sair jogando. Anderson Martins, que falhou muito em 2018, continua sem passar segurança.

Os pontos positivos foram, a volta do Profeta Hernanes, que toma conta da “meiuca”, chega forte pra finalizar e fica muito bem com a braçadeira de capitão. Liziero mostrou que pode ser o segundo volante titular, ele dá mais movimentação e dinamismo ao meio-campo. Gostei do Igor Vinícius que, apesar do gol contra, foi intenso na marcação e nas subidas ao ataque, me deixou uma boa impressão. Pablo é voluntarioso, dá combate nos zagueiros e corre muito sem a bola, deu um passe espetacular para o gol do Hernanes, jogador inteligente.

No próximo sábado, a temporada começa pra valer com o início do Paulista, a estreia é contra o Mirassol no Pacaembu. Vamos ver quais conclusões André Jardine tirou nos EUA e como virá o Tricolor 2019.

 

***Apresentador e idealizador do programa esportivo Garotinhos F.C. da Rádio Metropolitana de Mogi das Cruzes(SP), Fred Rezende iniciou na emissora mogiana em fevereiro de 2015, quando criou o projeto em homenagem ao locutor Osmar Santos, “Pai da Matéria” e padrinho do programa. Também faz parte do quadro “Resenha” do Esporte D na TV Diário, afiliada da Rede Globo no Alto Tietê, onde faz aparições falando sobre o São Paulo Futebol Clube, usando sempre uma abordagem divertida e bem humorada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*