São Paulo tenta esquecer Galo para mirar liderança do Paulistão

O tão sonhado quarto título da Libertadores pode se transformar em pesadelo para o São Paulo. Enquanto a decisiva partida contra o Atlético-MG, marcada para dia 17 de abril, no Morumbi, não chega, os jogadores querem manter a concentração em fechar na liderança a primeira fase do Campeonato Paulista, uma espécie de prêmio de consolação para a equipe.

Com 38 pontos, o Tricolor garantirá o primeiro lugar da fase de classificação se vencer o União Barbarense nesta quarta-feira, às 19h30m, em Santa Bárbara D’Oeste. A partida é válida pela quarta rodada. Depois, a equipe ainda enfrenta XV de Piracicaba, na capital, e Mogi Mirim, no interior.

– O torcedor só quer saber do Atlético-MG, não tem outro jeito. Mas a melhor forma de se preparar para aquele jogo é conquistar nosso objetivo no Paulista. Nosso foco é vencer o Barbarense, garantir a primeira colocação, daí sim podemos ficar totalmente voltados pra Libertadores – afirmou o atacante Osvaldo.

O primeiro colocado do Paulistão não terá grande vantagem a partir das quartas. A única será poder decidir em casa todos os confrontos. O São Paulo não conquista o torneio desde 2005. Depois disso, foi vice em 2006 e não conseguiu passar das semifinais em nenhuma das outras edições.

– Se fizermos um bom jogo e vencermos o Barbarense, teremos tranquilidade para pensar no Atlético. Um passo de cada vez. Não tem como mudar a tabela. Temos que vencer o Barbarense, garantir o São Paulo em primeiro, para depois pensar na Libertadores – disse o volante Wellington.

Para avançar ao “mata-mata” do torneio sul-americano, o São Paulo precisa vencer o Atlético-MG e torcer por uma derrota do Strongest diante do Arsenal, na Argentina. Uma outra combinação de resultados pode até levar a decisão para o sorteio, último critério de desempate.

 

Fonte:  Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*