São Paulo afasta funcionário que agrediu torcedor no aeroporto

O São Paulo decidiu afastar por tempo indeterminado o funcionário do clube que agrediu o torcedor Rodrigo Medeiros, de 27 anos, ontem, no desembarque da equipe, no aeroporto de Congonhas. Na ocasião, o motoboy foi protestar contra o time por causa da eliminação na Copa do Brasil e levou um chute e um empurrão. O Tricolor já havia divulgado ontem que iria estudar qual medida tomaria em relação ao caso.

Esse não foi o único protesto para a queda do Tricolor paulista. Os muros do Morumbi amanhecerem ontem pichados. Amanhã deve haver uma manifestação com a principal organizada do São Paulo, a Independente, na porta do CT da Barra Funda. O clube deve reforçar o seu esquema de segurança.

Ontem, o clube até tentou despistar imprensa e torcida e dividiu a delegação, desembarcando cada grupo por um lado. O torcedor Rodrigo, que estava no local, xingou atletas e dirigentes e acabou levando um chute e foi empurrado por um funcionário do clube que tentou evitar que ele se aproximasse demais do elenco.

O São Paulo volta a entrar em campo no próximo domingo (02), quando enfrenta o Cruzeiro pelo Campeonato Brasileiro.

 

Fonte: Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.