São-paulinos acreditam em jogo parelho e difícil contra o Palmeiras

O clássico entre São Paulo e Palmeiras no próximo sábado, dia 6 de outubro, no estádio do Morumbi, colocará frente a frente dois rivais paulistas com metas diferentes dentro do Campeonato Brasileiro. Enquanto o Tricolor busca grudar novamente no G4 e garantir uma vaga na Libertadores do próximo ano, o Alviverde, que já está na Libertadores após vencer a Copa do Brasil, precisa se afastar da zona de rebaixamento.

Apesar dos momentos diferentes, Douglas fez questão de lembrar o momento vivido pelo Palmeiras. Após a mudança de técnico, saindo Felipão e entrando Gilson Kleina, o Alviverde já soma duas vitórias e boas apresentações. Já o São Paulo empatou com o Coritiba e deixou escapar a chance de ficar a apenas um ponto do Vasco, primeiro integrante do G4, em quarto lugar.

“Vai ser um jogo para os dois lados, nós queremos Libertadores e eles respirar contra o rebaixamento. Temos que trabalhar forte essa semana, aproveitando o calendário livre de jogos para buscar esse resultado”, disse o lateral.
Edson Silva, que poderá ganhar uma chance na vaga de Rhodolfo, suspenso por expulsão, também aponta dificuldades diante do rival, uma vez que ambos têm metas importantes na competição.

“São perigosas as duas situações. O Palmeiras vem de duas vitórias e embalado. Temos que tomar cuidado respeitando o time deles. Temos que pensar no São Paulo e focar no G4, e não neles”, apontou o zagueiro.

Fonte: Site Justiça Desportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*