Rodrigo Caio vai a julgamento por expulsão na partida contra o Vasco

O volante Rodrigo Caio pediu desculpas ao grupo do São Paulo depois de ser expulso na partida contra o Vasco, pela décima rodada do Campeonato Brasileiro, mas o fato ainda pode resultar em novas conseqüências ao atleta. Ele será julgado na próxima segunda-feira, dia 6 de agosto, no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), em sessão da Primeira Comissão Disciplinar, a partir das 18h. Rodrigo Caio pode ficar de fora de mais dois jogos, depois de cumprir suspensão automática pelo cartão vermelho recebido.

Na partida disputada no dia 18 de julho, no Morumbi, o Vasco abriu o placar logo aos três minutos do segundo tempo. E quanto o time da casa buscava o empate, Rodrigo Caio acabou levando a segunda advertência e acabou expulso. “Aos 12 minutos do segundo tempo, expulso em decorrência do segundo cartão amarelo, o primeiro por agarrar o adversário e o segundo por colocar a mão na bola intencionalmente”, descreveu o árbitro Leandro Pedro Vuaden na súmula.

Com um a menos em campo, o São Paulo não conseguiu chegar à igualdade no placar e acabou derrotado. Mais tarde, na entrevista coletiva, o técnico Ney Franco falou sobre a expulsão. “Conversei com ele, foi uma expulsão pela inexperiência. Ele ficou muito frustrado com que aconteceu e pediu desculpas para o grupo. Espero que ele possa aprender com o erro”, completou o comandante tricolor.

Rodrigo Caio será julgado com base no artigo 250 (ato desleal) do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), no qual a pena pode chegar a três jogos de suspensão. Como já cumpriu a automática pela expulsão, o volante do São Paulo pode ficar no máximo mais dois jogos fora. Em caso de pena mínima, já está livre para jogar.

Depois de saber das palavras do técnico logo após a expulsão, o jogador agradeceu o apoio. “É importante este apoio dele e do grupo. Sei o que eu fiz foi errado, tenho consciência disso. Fico feliz com o apoio de todos. Agora, é como eu disse, tenho de trabalhar para quando a oportunidade aparecer novamente eu não repetir isso”, ressaltou Rodrigo Caio.

O jogador está à disposição do técnico Ney Franco para o jogo de domingo, dia 5, diante do Sport, no Morumbi, já que só será julgado na segunda-feira. Em caso de punição que o tire de campo, Rodrigo Caio desfalca o time a partir do jogo contra o Fluminense, na quinta-feira, dia 9.

Fonte: Site Justiça Desportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*