Muricy lamenta ausência de Centurión no clássico e esconde time do SP

O meia argentino Ricardo Centurión foi um dos principais destaques da goleada por 5 a 0 do São Paulo sobre o Bragantino, pelo Paulistão, neste sábado. Apesar da boa estreia, o reforço são-paulino não pode atuar no clássico de quarta, diante do Corinthians, por uma suspensão recebida da Conmebol em 2013. O técnico Muricy Ramalho admitiu após a vitória que foi pego de surpresa pela punição, e lamentou a ausência do jogador.

“Futebol é muito emocional. O cara az uma partida e acham que está tudo certo, faz outra, está tudo errado. Tem que ter calma com ele, mas você percebe que é um grande jogador, inteligente. Essa suspensão a gente não esperava, mas  aconteceu. Fazer o que, tem que contar com o que tem à disposição”, disse.

O treinador não revela o time que entrará em campo no clássico. Diante das perguntas de jornalistas, garantiu que será impossível tirar dele qualquer informação. “Você está querendo que eu fale a escalação agora né?  Pode perguntar até amanhã”.

A previsão de Muricy é de um clássico equilibrado: o técnico vê as duas equipes no mesmo nível, e falou também sobe o prazer de participar de um clássico.

“Muito igual, a única diferença é que é no estádio deles. A gente contratou pontualmente, jogadores importantes, para o ano todo. Acho que é a Libertadores mais difícil de todos os tempos, pelo menos nosso grupo. Vale a pena para quem participa, cada clássico tem uma historia, é legal a gente participar. As vezes se reúne com amigos para conversar, lembra de alguns clássicos, então fica marcado”, finalizou.

Fonte: UOL Esporte

Um comentário em “Muricy lamenta ausência de Centurión no clássico e esconde time do SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*