Mesmo classificado, Muricy detona árbitro no Chile: ‘Muito caseiro’

O São Paulo venceu, se classificou, mas o técnico Muricy Ramalho saiu de campo insatisfeito com a arbitragem do paraguaio Antonio Arias na partida desta quarta-feira, contra o Huachipato (CHI), no Chile, pelas oitavas de final da Copa Sul-Americana. Muricy reclamou da expulsão do volante Denilson e disse que Arias estava favorecendo os donos da casa, eliminados após a derrota por 3 a 2.

– Colocar um árbitro desses é brincadeira. O cara é muito caseiro. Falta do Denílson não existente, outra dura que não é para expulsão, um horror – disse Muricy, em entrevista à TV Fox Brasil, logo após o jogo.

Em seguida, o treinador salientou o esforço de seus jogadores. O São Paulo viajou ao Chile na última segunda-feira, ainda desgastado pela viagem a Belo Horizonte, onde enfrentou o Atlético-MG, no último domingo.

– Os jogadores estão de parabéns, pois lutaram até o fim – disse Muricy.

O São Paulo fez o gol da vitória aos 45 minutos do segundo tempo, com Boschilia. O Tricolor agora aguarda o vencedor de Emelec (EQU) e Goiás nas quartas de final. Para esse duelo, além de Denilson, expulso, Muricy não poderá contar com Luis Fabiano, suspenso por expulsão no jogo de ida contra o Huachipato (CHI).

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*