Médico defende Luis Fabiano e minimiza série de lesões do atacante

Nesta temporada, Luis Fabiano já desfalcou o São Paulo por seis lesões diferentes – em 2011, ficou ainda sete meses fora para recuperar-se de um problema no tendão próximo ao joelho direito. Preparando-se para voltar à equipe no clássico de sábado, com o Palmeiras, o jogador, contratado por R$ 17 milhões junto ao Sevilla, no início do ano passado, foi defendido pelo médico do clube, José Sanchez.

Segundo o membro da comissão técnica tricolor, o histórico complicado do jogador não o preocupa. “Se forem fazer um levantamento, há muitos outros jogadores com um histórico pior. Não falo por uma questão de ética, mas posso enumerar pelo menos cinco jogadores que tiveram problemas semelhantes ao dele e que são ainda mais jovens. Mas por ele ter sido convocado, ser o Luis Fabiano, dão importância maior”, alegou.

A justificativa de Sanchez é de que os problemas musculares de Luis Fabiano, em geral na coxa, são normais em um jogador de futebol e não estão atrelados aos seus 31 anos de idade. De acordo com o médico, exceto a primeira lesão que atrapalhou seu reinício no Tricolor, o camisa 9 recupera-se rapidamente.

“Ele está ajudando para reduzir esta incidência de lesões, e não nos assusta. Ele ficou muito tempo afastado no ano passado, e isso propicia o aumento de lesões. Estamos nos sentindo bem e otimistas para ele jogar no sábado”, acrescentou Sanchez. “Não queríamos que acontecesse, mas não dá para dizer qual o motivo específico das lesões.”

Fora dos últimos três jogos do São Paulo –  dois do Brasileiro e um da Copa Sul-americana -, Luis Fabiano foi cortado do Superclássico das Américas e tem treinado em dois períodos no Reffis do clube. A expectativa do departamento médico é de que ele volte aos treinamentos no campo nesta quarta-feira, para que se junte ao grupo na preparação do clássico com o antepenúltimo colocado do Brasileirão.

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*