Marco Aurélio descarta prejuízo ao Tricolor por debate sobre eleição

O conselheiro tricolor Marco Aurélio Cunha parece não estar disposto a diminuir suas críticas ao atual momento do São Paulo. Acusado por aliados de Juvenal Juvêncio de tentar antecipar o processo eleitoral, o ex-superintendente de futebol defendeu o debate constante sobre a situação do clube.

“Ninguém antecipou o processo, mas debater o São Paulo é legítimo. O clube tem de ser debatido por seus torcedores, pela mídia e pelos sócios que vão lá. Não pode ser uma ação de meia dúzia. O debate é fundamental, porque a instituição não pode ser muda”, afirmou, durante participação no programa Mesa Redonda, da TV Gazeta.

A postura de Marco Aurélio sobre o assunto foi até citada por Júlio Casares durante uma discussão entre os dois na atração televisiva. Porém, o opositor entende como positivo iniciar as conversas sobre a sucessão de Juvenal Juvêncio, que tem mandato presidencial até abril de 2014.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press

Marco Aurélio Cunha pode ser o candidato da oposição na eleição para presidente do São Paulo em 2014

“O presidente não vai prosseguir, porque termina o ciclo dele. Vamos esperar o que para debater? Querem esperar alguém dizer que vai ser esse ou aquele (o novo mandatário). Estamos vendo que o processo está ruim e preferem continuar com esse futebol que temos?”, acrescentou.

 

O vereador paulistano, que deixou o cargo de superintendente no início de 2011, ainda aproveitou para reforçar suas críticas à gestão do clube no departamento de futebol, citando os recentes resultados da equipe.

“O São Paulo diminuiu seu ritmo profundamente, porque as ideias boas deixaram de ser ouvidas. Tivemos um grupo de poucas pessoas falando e pouca gente rebatendo. Não quero falar mal de ninguém aqui, mas os resultados estão aí, o clube passou pela pior sequência de derrotas de sua história. Isso é reflexo não só de jogadores, mas de direção de futebol”, completou.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

3 comentários em “Marco Aurélio descarta prejuízo ao Tricolor por debate sobre eleição

  1. Também fiquei decepcionado com o Sr. Júlio Casares, que julgava ser uma exceção nessa diretoria.
    Mostrou-se irracional, truculento e desagradável para quem estava assistindo. Prestou-se ao infeliz papel de tarefeiro do Juvenal.
    É mais um que mostrou não ter brilho próprio, só existe gravitando em torno do Chefe. Quando este decair (e já está decaindo), todos os vaga-lumes que voam ao seu redor vão juntos, pois não se sustentam sozinhos. Falta personalidade.
    Como sócio,esse senhor acaba de perder meu voto.

  2. Concordo com o Dr Marco Aurelio Cunha, alias caro Paulo Pontes sempre tive uma imagem do Sr Julio Cazares positiva, mas ontem ele me pareceu um sujeito extremamente desiquilibrado, prepotente e arrogante, como é a conduta da atual administração atual do Sr.JJ e seus pares, se for o SDr julio Cazares o escolhido do JJ para ser o seu sucessor me desculpe mas não da. Voce teve a mesma impressão que a minha ou estou dellirando caro amigo.

    Obs acabei de ver na FOX que o jogo do Tricolor no japão sera exclusivo da FOX , mas aqui ta dizendo que passara no SPORTV

    • Ronaldo, tenho admiração pelo Júlio Casares, amizade com ele, o conheço há alguns anos e foi surpresa para mim a forma como se portou ontem. Acho que não falou nem agiu por ele, mas sim, foi o “escalado da vez” para cumprir as ordens no general JJ. Lamentável, portanto, a forma como agiu destemperadamente no debate.
      Quando ao jogo, acabo de ficar sabendo da mudança. A Sport TV estava tentando transmitir e aqui, na JP, tínhamos essa informação. Mas acaba de chegar a confirmação que a Fox comprou a exclusividade e não vai repassá-la. Grato e abraços

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.