Jornal de Trujillo exalta classe de Ganso e o compara a Valderrama

Ao empatar com o São Paulo por 1 a 1 na primeira partida da fase preliminar da Copa Libertadores, o Cesar Vallejo (PER) conseguiu ter mais destaque na imprensa nacional do que na véspera da partida. O jornal esportivo Depor se rendeu à raça dos Poetas e, assim como o caderno El Hincha, do diário La Industria, estampou a foto de Alejandro Hohberg vibrando com o golaço que abriu o placar em Mansiche na última quarta-feira. Paulo Henrique Ganso chegou a ser comparado com o ex-meia colombiano Valderrama.

Já o Líbero mais uma vez deu preferência ao futebol internacional e usou a capa para chamar a goleada do Barcelona por 7 a 0 sobre o Valencia na Copa do Rei de “Espurra Fan7ástica”. Mesmo assim, uma pequena chamada também falava da raça do Vallejo diante do Tricolor. Dentro dos dois esportivos, o erro da arbitragem ao não validar gol legítimo de Alan Kardec teve grande peso e na crônica do Depor, com manchete “Assustou”, a partida foi comparada ao duelo entre Davi e o gigante Golias.

Nada se comparou, entretanto, à atenção dada pelo El Hincha. Foram oito páginas, além da capa, dedicadas ao confronto com o São Paulo. O erro do arbitro equatoriano foi sutilmente abordado, já que o foco era a valentia dos comandados de Franco Navarro para segurar a vitória por 40 minutos e os elogios feitos pelo argentino Edgardo Bauza. A atuação do goleiro Salomón Libman também foi exaltada: “o capitão foi um dos nossos pontos altos, não só por sua liderança, mas também por seus reflexos”.

Na terceira página sobre o confronto da Libertadores, dois perfis apresentavam os grandes nomes da noite. Alejandro Hohberg para os peruanos e Paulo Henrique Ganso para os brasileiros. O texto de dez linhas foi praticamente uma declaração de amor ao estilo de jogo do Maestro, que deu assistência perfeita para Jonathan Calleri empatar para o Tricolor e desfilou em Mansiche com dribles e jogadas e efeito.

“Ganso é um meia clássico, daqueles que jogam para ganhar com estilo. Um 10 que homenageia a 10. Com pouca marcação e corrida, mas decisivo e fulminante. Quando toca a bola, algo do ‘Pibe’ Valderrama (astro do futebol colombiano nos anos 1990) aparece. Desenvolveu uma inteligência espacial ou a divindade dos deuses. Aparece sempre livre nos lugares menos pensados. O argentino Jonathan Calleri anotou para os visitantes, mas a beleza e a efetividade do futebol do São Paulo se resume na perna esquerda deste 10 que algumas vezes jogou melhor do que Neymar”, diz o perfil.

Fonte: Lance

3 comentários em “Jornal de Trujillo exalta classe de Ganso e o compara a Valderrama

  1. Vou torcer pra Ganso jogar muito e calar até minha boca!!!

    Curti demais o Calleri, joga muito, raçudo, vai pra cima disputar a bola até mesmo já na saída do time adversário. Muito bom mesmo.

    Agora BAUZA, devia esquecer o Centurion e dar mais oportunidade pro Rogério.

  2. kd a organização tática do senhor bauza ?

    kd o sistema defensivo do bauza ?

    alguém entender a tática do bauza ?

    estar na hora de aparecer um time minimamente organizado

    pra sempre soberano

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*