Dos pés à cabeça! São Paulo busca superação para chegar à final

Reação. A palavra está presente em cada discurso dos atletas são-paulinos. Apesar do revés na ida da semifinal da Sul-Americana, o elenco crê em vaga na final. Para isso, o grupo se apega ao passado recente do clube e de outros fatos do futebol para confiar na em êxito tricolor. Na quinta-feira, Ganso citou a classificação da seleção francesa à Copa de 2014 como exemplo.

– No futebol, tudo é possível. A própria França tinha que fazer dois gols, fez três e se classificou. Também temos chance de nos classificar – declarou o Maestro tricolor.

Após perder para a Ucrânia por 2 a 0 na ida, pela repescagem, a França venceu na volta por 3 a 0. Além do caso externo, o grupo vê a ascensão no Brasileiro como virtude. Com Muricy, o time saiu da 18ª colocação para atualmente ocupar o oitavo lugar. Na Libertadores, venceu, na última rodada da fase de grupos, o Atlético-MG por 2 a 0 e avançou às oitavas de final.

Apesar dos sinais de força, o ano tem sido de mais frustrações do que alegrias. Na temporada, o time teve pouco poder de reação para vencer após ter saído em desvantagem: só obteve êxito em três chances.

Para avançar, o Tricolor precisa vencer por três gols de diferença ou dois, caso faça no mínimo quatro. Novo 3 a 1 leva a pênaltis. Com Muricy, a equipe só teve um resultado que garantiria a classificação: 3 a 0 diante do Náutico, pelo Nacional. Com discurso de reação, agora o time terá de colocá-lo em prática.

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*