Denilson ouve Osorio, recusa proposta árabe e fica no São Paulo

Diferentemente de Rodrigo Caio, cuja venda para o Atlético de Madri é interessante para o São Paulo e está bem encaminhada, Denilson não deixará o São Paulo. O volante tinha proposta do Al Wahda, dos Emirados Árabes, mas foi convencido pelo técnico Juan Carlos Osorio a permanecer no clube.

O colombiano tem procurado conversar individualmente com todos os atletas que despertam interesse de outras equipes. Foi assim também com Rodrigo Caio. No caso do zagueiro, no entanto, foi informado pela diretoria de que a negociação (que pode atingir o patamar de até € 15 milhões) seria bem-vinda para sanar as finanças do clube.

Já a oferta por Denilson não era tão interessante financeiramente para o clube. Mesmo sendo atrativa para si, o jogador topou recusá-la ao ouvir mais uma vez, nesta quinta-feira, que será aproveitado pelo técnico ao longo da temporada.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press

Treinador colombiano disse ao volante que ele será aproveitado ao longo da temporada e o convenceu

O vice-presidente de futebol são-paulino, Ataíde Gil Guerreiro, esteve nesta quinta-feira no CT da Barra Funda antes da conversa definitiva entre o volante e o treinador, mas não falou com a imprensa. É possível que ele se pronuncie sobre esse e outros assuntos nesta sexta, véspera da partida contra a Chapecoense.

O duelo com o time catarinense, a propósito, deverá ter Denilson entre os titulares. A definição da escalação que atuará em Chapecó, porém, será feita em treino fechado para a imprensa.

9 comentários em “Denilson ouve Osorio, recusa proposta árabe e fica no São Paulo

  1. Esse era um cara deveria ter ido embora logo ainda mais pelo valor que foi oferecido, ainda mandaria de brinde Paulo Miranda- Edson Silva- Reinaldo……olha só que pacote especial kkkkkkkkkkkkkkkk

Deixe uma resposta para Anderson Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.