Defesa do São Paulo supera média de gols sofridos da campanha do penta

Alicerce da boa campanha no segundo turno, a defesa do São Paulo reagiu no Brasileirão e atingiu números respeitáveis, superando até a média de gols da equipe pentacampeã nacional pelo Tricolor.

DEFESA DO SÃO PAULO NO BR-2012

TURNO GOLS JOGOS MÉDIA
24 19 1,263
5 11 0,454
TOTAL 29 30 0,966

Em 11 jogos disputados na segunda metade deste Brasileirão, o São Paulo comandado pelo técnico Ney Franco sofreu apenas cinco gols, o que dá uma média de 0,454 tentos levados por partida.

O São Paulo pentacampeão brasileiro comandado pelo técnico Muricy Ramalho, hoje no Santos, sofreu apenas 19 gols em 38 partidas disputadas, ou 0,5 por jogo. Aquele time tinha uma defesa formada por Breno, Alex Silva e Miranda, atuava no 3-5-2, e levou 20 gols a menos que a segunda defesa menos vazada naquela oportunidade.

E a solidez defensiva do atual São Paulo pode ser explicada pelas mudanças que Ney Franco fez no time. Zagueiro de origem, Paulo Miranda foi adaptado na lateral-direita. Com características mais defensivas, o volante Wellington tomou conta do meio campo e deu mais proteção aos zagueiros.

DEFESA DO SÃO PAULO NO BR-2007

TURNO GOLS JOGOS MÉDIA
7 19 0,368
12 19 0,631
TOTAL 19 38 0,500

Mas quando ambas as mudanças não surtiram efeito, o goleiro Rogério Ceni deu conta do recado, fato que pôde ser visto no segundo tempo da vitória contra o Vasco por 2 a 0 na quarta-feira passada.

Questionado sobre o tema, o zagueiro Rhodolfo explicou outro fator que ajudou a defesa do São Paulo a sofrer menos gols: a mudança da marcação da bola parada. “Antes, nós marcávamos de forma individual. Se alguém fugisse da nossa marcação, sofríamos gols. Agora, passamos a marcar por zona, e deixamos de levar gols bobos”.

Companheiro de Rhodolfo na zaga, Rafael Toloi preferiu elogiar seu comandante ao falar da evolução da defesa. “Ney é um treinador muito inteligente, acertou nossa equipe e achou um padrão de jogo. A gente trabalhou também a parte da bola parada. Não estamos sofrendo mais gols, ele tem uma parcela grande”.

Fonte: Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*