Ceni conta ter feito pedido a Osvaldo: “Que fosse o mesmo do Ceará”

Osvaldo foi decisivo na vitória por 1 a 0 sobre o Cruzeiro, neste domingo, não apenas pelo golmarcado no segundo tempo, mas também por ter sido o são-paulino mais incisivo desde os primeiros minutos. Ao fim da partida, o atacante foi elogiado pelo capitão Rogério Ceni.

“Ele tem característica do ponta antigo, que joga aberto mesmo. Jogando assim, a gente sofre um pouco mais na marcação, mas falei com ele ainda hoje. Disse que queria o Osvaldo do Ceará, que faz fumaça, ataca e volta paramarcar”, disse o goleiro, referindo-se à passagem anterior do jogador por Fortaleza.

No novo esquema que vem sendo utilizado pelo técnico Ney Franco, o ora 4-3-3 ora 4-2-3-1, o velocista tem vaga garantida pelo lado esquerdo do ataque. Nas partidas fora de casa, no entanto, o treinador pode optar por sistemas menos ofensivos, com apenas Lucas e Luis Fabiano como homens de frente.

Ainda que perca a titularidade, Osvaldo já é visto como um dos principais jogadores do elenco, na opinião de Ceni. “Ele tem feito grandes jogos, é um dos titulares. Mesmo não começando em alguns jogos, é alguém que a gente pode confiar”, avaliou o camisa 1 tricolor.

A vitória pelo placar mínimo reaproximou o São Paulo do grupo de classificação para a Copa Libertadores. Agora com 42 pontos, o time está a dois do quarto colocado Vasco, que empatou sem gols com a Ponte Preta, também neste domingo.

O próximo compromisso pelo Campeonato Brasileiro será no domingo que vem, diante do Coritiba, no Paraná. Antes disso, a equipe faz o jogo de ida das oitavas de final da Copa Sul-americana, na quarta-feira, contra a Liga Deportiva Universitaria de Loja, no Equador.

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*