Quanto o time tinha que provar, decepcionou!

Amigo são-paulino, leitor do Tricolornaweb, o São Paulo precisava provar que estava no caminho certo, que o elenco, com alguns ajustes, seria suficiente para disputar títulos este ano. E na hora disso acontecer, o time decepcionou e foi derrotado pelo Palmeiras, no primeiro jogo efetivamente forte que tivemos este ano.

A derrota jogou por terra as goleadas contra Mogi Mirim e Rio Claro e botou na cabeça da torcida, de volta, a dúvida: vamos disputar algum título este ano com isso que está aí?

Não sou daqueles que rotulam este elenco como o mais fraco que já tivemos. Entendo que alguns estão jogando só com o nome, mas que ainda voltarão a render o que renderam num passado não tão distante. Mas fico excessivamente irritado com a indolência em campo, a falta de criar para mudar uma situação.

O jogo deste domingo foi exatamente assim. Um Palmeiras determinado a vencer, de qualquer maneira, e o São Paulo se achando superior, entendendo que o gol sairia com naturalidade. O jogo começou e terminou da mesma maneira. E fomos derrotados.

Incrível, mas esse jogo me lembrou muito aquela partida de Bragança Paulista, quando também perdemos por 2 a 0, na estreia do Paulista. Naquele dia tocamos a bola de um lado para outro o tempo todo. Demos dois chutes a gol e, em dois contra-ataques, o Bragantino fez 2 a 0. Hoje também demos dois chutes a gol: Luis Fabiano, no primeiro tempo e Maicon, aos 45 minutos do segundo tempo. E tocamos, tocamos, tocamos, erramos, erramos, erramos, tocamos, tocamos. Impressionante.

Tudo isso acontecendo e Ganso não conseguia encontrar, em sua genialidade, uma fórmula para mudar o quadro. Claro. Os atacantes ficavam fixos como postes. Álvaro Dias, muito marcado, não chegava ao ataque. Luis Ricardo tinha liberdade, mas sua ruindade plena não permitia que ele fosse eficiente. O meio de campo é uma piada de mal gosto, com Wellington e Maicon não se completando, nem se individualizando. Enfim, um time sem cara de time.

Interessante ouvir de Luis Fabiano que o São Paulo dominou o jogo e os dois gols do Palmeiras foram de bola parada. E isso não ratifica a nossa incompetência absoluta?

Enfim, na hora que tinha que provar, o time decepcionou. Agora é ganhar dos pequenos que temos pela frente, de novo, até chegarmos a outro clássico. E aí, mais uma vez, colocarmos o time à prova. E, sinceramente, não sei no que vai dar.

7 comentários em “Quanto o time tinha que provar, decepcionou!

  1. Paulo Pontes, as vezes eu acho que somos trouxa de torcer pelo São Paulo enquanto o “geesstooorrrr” estiver no poder.
    O único jogador que merecia uma menção honrosa por ter vontade no ano passado era o Aloísio. E só. Faltava futebol para ele, é verdade, e ele não era a solução de nada, mas corria e tinha vontade. E que aconteceu? Liberaram o jogador.
    O resto do time é praticamente composto dos mesmos patifes que estiveram vestindo a camisa do São Paulo. Sem o Aloísio. O único que parecia ter alguma vergonha na cara da situação do time.
    As vezes, eu acho que não cair para a segunda divisão, não foi mérito algum. O problema é que o nosso time de patifes se um dia vier a cair, ou fica por lá um bom tempo, ou vai acontecer igual ao clube das laranjeiras, só volta por virada de mesa, pois no campo time sem vergonha não volta.

  2. Apenas a continuação do ano passado, eu já tinha falado isso aqui.

    Passaremos 2014 sem ganhar nenhum clássico, aliás quando foi o último que ganhamos? Não me lembro!!

    Maicon, Ganso e Luís Poste Fabiano não podem jogar no mesmo time, uma equipe para ser forte só pode ter do meio para frente um jogador lento!!!

    De bom só mesmo o Alvaro Pereira, mas esse não surpreende, sempre foi bem onde passou!!

    No Brasileiro será a mesma luta do ano passado… essa diretoria vai conseguir o que todas que se perpetuaram em outros clubes conseguiram, a segunda divisão!!

  3. Nossos defeitos:o meio campo não pode ter dois jogadores lentos como Maicon e Ganso,jogando juntos! Antônio Carlos é péssimo zagueiro e engana fazendo gols lá na frente!E Ganso precisa parar de pensar que só dando toquinhos vai virar ídolo!Falta garra! Muricy não corrigiu o time que começou jogando torto pela direita.Osvaldo e Alvaro Pereira, que foram muito bem nos jogos anteriores, mal foram acionados!

    • Concordo João.
      Complemento apenas, se me permite, que o Murici também me parece “bananeira que já deu cacho”: não treina como um time deve ser treinado; não motiva; escala muito mal o time.

  4. O que tinha de comentar ja comentei nos outros posts.
    Quero apenas completar, tivemos a pré temporada, quem acompanha
    esperava uma dupla de zaga com Acarlos e toloy, ou pm, ou silva, ou roger
    que ninguem sabe o que acontece, e Rkaio enfiado de volante e as vezes
    zagueiro, alternando, já estamos no quinto jogo e todos sabemos
    que essa zaga não funciona, o toloy ja foi e tarde, o lucio bmw, não servia
    aqui e parou esse ataque di mierda hoje, ou ele não foi bem aproveitado aqui,
    não souberam trabalha-lo ou esses atacantes nossos são mesmo pipoqueiros,
    sangues de barata. Bem, no meio todos sabemos das dificuldades desse
    welington e desse caranguejão maicon, como que o Ganso pode jogar
    alguma coisa no meio desses dois cones. O Cañete vai ser mais uma vez
    queimado, como foi o Rodrigues. Bom estamos mesmo na estaca zero,
    o que é incrivel, é que nós vemos de uma forma e nosso Murici, insiste com
    as mesmas peças que dão certo uma ou outra vez sendo inconstantes.
    Alem de tudo hoje um unico jogador mostrou garra e catimba, o uruguaio
    que chegou ontem, isso é VERGONHANTE.
    Ahhh, me esqueci, esse jadson biquinho é uma gracinha, já que Cañete, não
    é do time do DT, então que colocasse o Boschila.
    Enfim, o time dos parmera, é ruim de dar dó, mas ganharam do nosso,
    então, somos mesmo muito piores.
    Com a chegada do Souza e do Pabon, espero melhoras,
    mas a principal seria de umas aulas com o uruguaio,
    no quesito vontade, garra, catimba, essa é a catimba que o zé pipokkka
    deveria assimilar, e não essa enervante choradeira com juizes e banderas
    como se estivessem arrebentando com ele. Isso apenas é grotesco e humilhante
    para os que acreditam nele. Artilheiro dos gols inuteis.

  5. Pelo que estou vendo vamos ter outro ano danado.
    Paulo Pontes te faço uma pergunta: trouxeram o Roger Carvalho machucado para recupera-lo, cade o jogador, não foi relacionado nesses 5 jogos do São Paulo, continua machucado ou o técnico não quer escalar, ou ja mandaram embora?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*