SÃO PAULO X BOLIVAR

Sobe

ROGÉRIO CENI: nosso capitão voltou com fome de bola. Participou do jogo como um líbero, deu passes, fez duas defesas maravilhosas e o gol de pênalti. Parabéns, Mito, pelos 40 anos de sucesso e vitórias.

JADSON: o nome do jogo. Ou melhor, um dos nomes do jogo. Foi responsável por duas assistências que resultaram em gols, fez um gol, dominou o jogo no meio, se movimentou muito, fez, certamente, sua melhor partida no São Paulo.

LUIS FABIANO: artilheiro, deixou sua marca duas vezes, voltou para buscar jogo, fez assistências, foi, enfim, um centro-avante completo nesta noite.

OSVALDO: é outro que vem se destacando a cada jogo. Nesta quarta-feira fez gol, deu assistência, driblou, infernizou a vida da defesa boliviana, ganhou, com méritos, a posição de titular.

LÚCIO: o xerife está aí. Bem ao seu estilo jogando duro, dando arrancadas e hoje fez dois lançamentos de 40 metros que resultaram em gols. Quer mais?

NEY FRANCO: ousou ao tirar Ganso do time e colocar Aloísio. Provou que estava certo em manter o esquema e isso resultou na goleada. Era o que precisávamos. Continua no caminho certo.

Desce

NINGUÉM: depois de uma vitória por 5 a 0, este espaço tem que ficar vazio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*