Wellington se defende após polêmica: “Simples brincadeira”

O volante são-paulino Wellington se defendeu após a polêmica gerada por uma provocação ao Corinthians em uma transmissão ao vivo feita pelo São Paulo depois da goleada por 4 a 1 sobre o Santo André, no domingo. O jogador se posicionou acerca da repercussão negativa que o caso tomou, em especial nas redes sociais, e garantiu que o ocorrido foi apenas uma brincadeira.

“Estou vindo aqui me posicionar sobre um tema chato, pequeno, que cada vez ganha relevância, por uma simples brincadeira.  Diversos meios de comunicação e uma infinidade de torcedores (alguns extremamente racistas) estão reclamando da brincadeira que fiz ontem, ao final da partida.  Gente, o que seria do futebol sem as brincadeiras?”, questionou o atleta em sua conta oficial no Instagram.

Na filmagem, depois de ser avisado que sua mochila estava aberta, o volante comentou “ainda bem que é no São Paulo, imagina no Corinthians”, insinuando que se estivesse no clube do Parque São Jorge teria seus pertences furtados. Imediatamente após a declaração de Wellington, um dos membros do departamento de comunicação do Tricolor tirou o jogador da imagem e tentou contornar a situação. O vídeo, no entanto, viralizou e incomodou os torcedores corintianos.

Último atleta do São Paulo a ser inscrito no Campeonato Paulista, Wellington vem ganhando espaço com o técnico Rogério Ceni. O volante, revelado pelo Tricolor, foi emprestado ao Internacional em 2014 e retornou ao clube do Morumbi no ano passado, mas ficou um longo período sem jogar por causa de um caso de doping e uma grave lesão no joelho. O volante assegurou que não teve a intenção de ofender o Corinthians e fez um apelo por mais brincadeiras no futebol.

“Em momento algum quis ofender o adversário ou faltar com respeito, mas uma coisa tão banal não pode ganhar proporções enormes. Para mim, futebol é sinônimo de felicidade, então vamos dar mais risadas, brincar mais, sorrir mais”, pediu o jogador.

Veja a íntegra do comunicado divulgado por Wellington:

“Boa tarde,

Estou vindo aqui me posicionar sobre um tema chato, pequeno, que cada vez ganha relevância, por uma simples brincadeira.

Diversos meios de comunicação e uma infinidade torcedores (alguns extremamente racistas) estão reclamando da brincadeira que fiz ontem, ao final da partida.

Gente, o que seria do futebol sem as brincadeiras?

Tenho muitos amigos torcedores do arquirrival e sei que a grande maioria entende como uma simples BRINCADEIRA.

O futebol é isso, é entretenimento, é diversão.

Você aí que está atirando pedras, nunca brincou com seu amigo que torce pra outro time?

Em momento algum quis ofender o adversário ou faltar com respeito, mas uma coisa tão banal não pode ganhar proporções enormes.

Pra mim, futebol é sinônimo de felicidade, então vamos dar mais risadas, brincar mais, sorrir mais.

Eu sou isso aí, a alegria em pessoa, eu jogando, eu treinando, eu lesionado, a vida é curta de mais pra não brincar e não sorrir!

Boa semana pra todos!

Vamos com tudo!”

 

Fonte: Gazeta Esportiva

2 comentários em “Wellington se defende após polêmica: “Simples brincadeira”

  1. Trecho de uma mensagem de um torcedor da Mancha alvi Verde quando da morte do seu fundador.

    “a mancha era a unica das grandes que não era envolvida com o crime organizado”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*