Vice da Conmebol ameaça rever título do São Paulo

O vice-presidente da Conmebol, Eugenio Figueredo, afirmou que a decisão final da entidade sobre o campeão da Copa Sul-Americana ainda não foi realizada. Desta forma, o dirigente faz uma ameaça ao São Paulo, declarado campeão na quarta-feira, e que recebeu o troféu das mãos de Nicolas Leoz, o presidente da Conmebol.

“O juiz não pode finalizar nenhuma partida, apenas suspender. É a Confederação que decide. Esperamos os informes da polícia para estudar as possíveis punições. A última palavra não está dita”, disse Figueredo, em entrevista à rádio uruguaia 1010 AM, que foi reproduzida pelo site “la terceira”, do Chile.

Em entrevista coletiva após o título do São Paulo, Ney Franco tirou sarro dos adversários, dizendo que os argentinos pipocaram no Morumbi, já que sua equipe vencia por 2 a 0 no primeiro tempo.

O vice da Conmebol contraria o texto da própria entidade declarando o São Paulo como campeão em nota oficial, e explicando a decisão do árbitro chileno Enrique Osses em encerrar o confronto.
Dada a recusa dos jogadores do Tigre expressa sem garantias e agressão, o árbitro decidiu terminar a sua espera incomum e aplicou as regras, determinando a conclusão do jogo com o placar de 2-0, então vigente, e o que significou a consagração de São Paulo FC como campeão do torneio”, cita trecho do comunicado.

Na mesma nota, a Conmebol comunica que espera pela apuração detalhada do caso para aplicar punição aos envolvidos.

“Diante disso, a Conmebol está empenhada em reunir todas as informações das autoridades da partida, e dos clubes, assim como os elementos envolvidos para a realização do evento, a fim de estabelecer claramente a realidade dos fatos, a fim de aplicar a correspondente sanção a cada um”, consta no trecho final da nota.

Fonte: Uol

Um comentário em “Vice da Conmebol ameaça rever título do São Paulo

  1. Fico me perguntando como a Commenbol mantém um vice-presidente que não conhece as regras do futebol.Nas suas palavras, o causador do W.O (que em inglês significa Walk Over, ou seja, não compareceu ao campo), deve ser “premiado” com uma nova partida le a chance de ser campeão, mesmo sendo claramente um infrator.A nota oficial da confederação já cala a boca deste analfabeto futebolístico,mas ele não resistiu à chance de se passar por tapado na frente de todos e fez este comentário, no mínimo, nonsense.Este tal Eugênio é um bom nome para reforçar o programa “Zorra Total”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*