Trajeto do ônibus até chegar ao Morumbi inspirou São Paulo

Se é que algum jogador do São Paulo não estava motivado para o jogo quando o ônibus saiu do CT da Barra Funda para o Morumbi, isso mudou no trajeto. A reação da torcida nas ruas surpreendeu a muitos que vão há anos com a delegação e já viveram grandes decisões de campeonatos.

– A festa foi impressionante. Na Marginal, as pessoas vibravam dos carros. Em frente ao Paineiras, tinha gente que saiu do carro para passar motivação quando viu o ônibus. Não esperávamos tudo isso pela situação. Em finais de campeonato, a situação costuma ser muito mais favorável do que essa – afirmou o vice-presidente do clube, Carlos Augusto de Barros e Silva.

Em frente à praça Roberto Gomes Pedrosa, último local onde o veículo passa antes de entrar no Portão 1 do Morumbi, milhares de tricolores recepcionaram com faixas e gritos de incentivo. A cena é comum em Libertadores, mas mexeu com muitos jogadores.

Segundo Rogério Ceni, alguns atletas se impressionaram e começaram a filmar a festa da torcida com os celulares. O capitão também contou qual foi a reação de seu colega de poltrona: Fabrício.

– Caramba, eu já vim aqui várias vezes e sempre contra esses caras (torcedores). Ainda bem que hoje estou a favor – disse o volante ao goleiro, na chegada ao Morumbi.

Revelado pelo Tricolor em 2005, Denilson já passou por experiências semelhantes, mas conseguiu resumir o porquê a noite da última quarta-feira mexeu com todos:

– Foi diferente porque nós sabíamos que a gente poderia entrar para a história do clube de duas formas. Ou seríamos os donos de uma das piores campanhas, ou, se nos classificássemos, iríamos entrar para a história também. E foi essa segunda opção que aconteceu.
Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*