Torcida repete 2017 e deixa Morumbi sempre cheio

O Brasileirão de 2018 tem sido bem diferente do Brasileirão de 2017 para o São Paulo. O clube, que correu riscos de ser rebaixado no ano passado, lidera a competição deste ano com 42 pontos em 20 rodadas. Talvez a única semelhança esteja na arquibancada: virou rotina ver o Morumbi lotado.

Neste domingo, às 11h, a expectativa é de mais de 60 mil espectadores contra o Ceará, o que quebraria o recorde de público do Brasileirão e do país em 2018: 59.987 pessoas no Fluminense x Flamengo do primeiro turno. Mais de 57 mil ingressos já foram vendidos.

Em 2017, o Tricolor teve os cinco melhores públicos do Brasileirão e registrou média de 35.227 torcedores por jogo na Série A, atrás apenas do campeão Corinthians, com 40.007. Vale lembrar que cinco dos 19 jogos do São Paulo como mandante foram no Pacaembu, cuja capacidade é muito menor que a do Morumbi.

A média são-paulina no Brasileirão de 2018 é de 33.068, atrás do Flamengo, com 47.956. Os números tricolores, porém, estão aumentando progressivamente. O jogo contra o Ceará será o quarto seguido com mais de 40 mil pagantes no Brasileirão: foram 58.624 torcedores contra o Corinthians, 53.437 contra o Vasco e 41.075 contra a Chapecoense.

Todos esses compromissos foram depois da Copa do Mundo, quando entrou em cena a precificação dinâmica dos ingressos para jogos do São Paulo. Explica-se: o clube montou uma comissão composta por três pessoas para analisar o perfil de sua torcida e determinar o valor dos bilhetes de acordo com a atratividade do jogo.

Nessa análise, verificou-se que o torcedor gosta muito dos jogos aos domingos pela manhã – quatro das cinco partidas neste horário no Morumbi tiveram mais de 50 mil pagantes -, o que elevou o valor dos ingressos para o duelo com o Ceará. O mais barato, que antes custava R$ 20 (sem contar meia-entrada), passou a valer R$ 35. A resposta foi a melhor possível: 40 mil ingressos vendidos em menos de sete horas.

O bilhete mais popular custou R$ 25 contra o Corinthians, R$ 30 contra Chapecoense e Vasco e R$ 20 contra o Colón, pela Copa Sul-Americana. Este último jogo, considerado o menos atrativo de todos, teve 35.666 pagantes.

O objetivo desta medida é potencializar a arrecadação com bilheteria sem cobrar muito caro do torcedor – o Tricolor continua cobrando muito menos do que Palmeiras e Corinthians, seus dois principais rivais, que têm ticket médio de R$ 61 e R$ 48 respectivamente. O do São Paulo é, até este momento, de R$ 29.

Em meio à crise do ano passado, o clube fixou em R$ 20 o ingresso mais barato e teve ótima resposta do torcedor. Neste ano, chegou a aumentar o valor e depois reduzir novamente antes de iniciar a atual precificação dinâmica.

Em 2018, o clube pode superar a marca de 1 milhão de torcedores em jogos como mandante pela terceira vez em sua história. As outras foram justamente em 2017, com 1.009.059 torcedores, e em 2006, com 1.001.982. São 597.777 em 2018 até o momento, com mais dez jogos a serem disputados em casa.

Públicos do São Paulo no Brasileirão de 2017:

São Paulo 1 x 1 Corinthians – Morumbi – 61.142 (maior público do Brasileirão)
São Paulo 1 x 1 Bahia – Morumbi – 60.485
São Paulo 3 x 2 Cruzeiro – Morumbi – 56.052
São Paulo 1 x 2 Coritiba – Morumbi – 53.635
​São Paulo 1 x 1 Grêmio – Morumbi – 51.511
São Paulo 2 x 2 Ponte Preta – Morumbi – 43.724
São Paulo 1 x 0 Sport – Morumbi – 43.071
São Paulo 2 x 1 Santos – Pacaembu – 34.461 pagantes (40.004 no total)
​São Paulo 2 x 0 Palmeiras – Morumbi – 33.288
São Paulo 2 x 2 Chapecoense – Pacaembu – 33.226 pagantes (35.037 no total)
São Paulo 2 x 2 Atlético-GO – Morumbi – 31.333
São Paulo 2 x 0 Flamengo – Pacaembu – 31.285 pagantes (32.965 no total)
São Paulo 2 x 1 Atlético-PR – Pacaembu – 25.558 pagantes (26.833 no total)
São Paulo 0 x 0 Botafogo – Pacaembu – 23.745 pagantes (25.711 no total)
São Paulo 1 x 2 Atlético-MG – Morumbi – 22.704
São Paulo 1 x 0 Vasco – Morumbi – 22.574
São Paulo 1 x 1 Fluminense – Morumbi – 17.742
São Paulo 2 x 0 Vitória – Morumbi – 12.536
São Paulo 2 x 0 Avaí – Morumbi – 12.427

Públicos do São Paulo no Brasileirão de 2018:

São Paulo 3 x 1 Corinthians – Morumbi – 58.624
São Paulo 2 x 1 Vasco – Morumbi – 53.437
São Paulo 2 x 0 Chapecoense – Morumbi – 41.075
São Paulo 1 x 0 Santos – Morumbi – 40.565
São Paulo 2 x 2 Atlético-MG – Morumbi – 31.976
São Paulo 3 x 2 Botafogo – Morumbi – 25.427
São Paulo 3 x 0 Vitória – Morumbi – 20.456
São Paulo 0 x 0 Internacional – Morumbi – 14.730
São Paulo 1 x 0 Paraná – Morumbi – 11.327

 

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*