Torcedor tira dinheiro do próprio bolso para o São Paulo ter Centurión

O São Paulo só conseguiu apresentar o meia-atacante argentino Centurión nesta terça-feira porque contou com o suporte financeiro de um torcedor para viabilizar a contratação. O administrador de empresas Vinicius Pinotti investiu € 4,2 milhões (R$ 12,7 milhões) do próprio bolso para que o clube adquirisse 70% dos direitos econômicos do ex-jogador do Racing.

Bastante agradecido com a colaboração, o presidente Carlos Miguel Aidar fez questão que Pinotti se sentasse perto de Centurión, diante das câmeras de televisão, na cerimônia de apresentação. “Essa pessoa especial espontaneamente disponibilizou recursos para o São Paulo. Como torcedor apaixonado que é, ele nos procurou e ofereceu a sua ajuda. Não somos nem um pouco orgulhosos, então aceitamos de bom grado”, sorriu o dirigente.

Não era para menos. O São Paulo não tem nem sequer prazo para quitar a dívida que adquiriu com o seu torcedor. “Venho com a proposta de trazer dinheiro barato para o clube. Não estou aqui para trocar uma corda no pescoço por outra. Os juros serão os mesmos do mercado – CDI, renda fixa -, nada mais do que isso”, avisou Vinicius Pinotti.

Fernando Dantas/Gazeta Press

Aidar só chegou até Centurión por intermédio do investimento do fanático Vinicius Pinotti

A alegria de Aidar com o empréstimo foi tamanha que ele já pensou até em resgatar antigos grupos que apoiavam o São Paulo, compostos por empresários. “Tivemos algumas coisas nesse sentido no passado, mas tudo acabou se dissolvendo. Agora, com a vinda do Vinicius, queremos reconstruir um grupo de pessoas bem-sucedidas, expoentes em suas áreas de atuação, que estejam dispostas a nos ajudar”, concluiu.

Vinicius Pinotti assentiu com a cabeça à ideia do presidente – assim como o próprio Centurión, que sorria enquanto o assunto era abordado. “Mais para a frente, poderemos voltar a oferecer esse recurso barato ao São Paulo”, disse o mecenas do Morumbi.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Um comentário em “Torcedor tira dinheiro do próprio bolso para o São Paulo ter Centurión

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*