Sem folga, São Paulo administra desgaste do time até segunda

O desgaste físico do elenco do São Paulo em virtude da disputa de duas competições e das frequentes expulsões teve um agravante nesta rodada do Campeonato Brasileiro. O time paulista teve o jogo contra o Goiás marcado para segunda-feira – e não sábado, como os demais – e perdeu o domingo de folga.

Por isso, a comissão técnica liberou do treino de sábado três jogadores que acusaram mais cansaço: o zagueiro Edson Silva, o volante Souza e o atacante Alan Kardec fizeram apenas alongamento e foram liberados da atividade com bola no gramado. Além disso, o técnico Muricy Ramalho estuda dispensar o elenco da concentração deste domingo.

“Estamos sempre atentos, porque queremos que o time tenha a mesma disposição em todas as partidas. E isso não parte só da preparação física, mas da fisiologia, nutrição, fisioterapia e departamento médico. Todos estão trabalhando em conjunto para fortalecer a equipe”, disse o preparador físico José Mário Campeiz ao site do clube.

Rubens Chiri/www.saopaulofc.net

Preparador físico José Mário Campeiz, o Zé Mário, lida com o desgaste físico do elenco são-paulino

Apesar dos complicadores, o São Paulo tem se saído bem inclusive quando tem que atuar com um jogador a menos. Nessa condição, venceu as duas partidas das oitavas de final da Copa Sul-americana, contra o Huachipato, e segurou empate com a Chapecoense, fora de casa, no meio de semana. Uma mostra de que o preparo físico do grupo é bom.

“Estamos satisfeitos pelos resultados. Pela probabilidade, um time que jogar com um a menos perderá a maioria dos jogos. Então, ainda mais com essa maratona de partidas, é bom ver esse retrospecto positivo. É claro que esperamos que não tenham mais expulsões, mas trabalhamos sempre para fazer com que os atletas rendam mais fisicamente em campo”, destacou Zé Mário.

Na manhã deste domingo, Muricy encerra a preparação com trabalho fechado para a imprensa, no CT da Barra Funda. O treinador tem mais três desfalques por suspensão em relação à rodada passada, todos suspensos: os zagueiros Paulo Miranda e Rafael Toloi e o meia Kaká. Além do trio, o atacante Alexandre Pato segue por edema na coxa esquerda.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*