São Paulo veta saídas de Michel Bastos e Alan Kardec para o Santos

Fora da Copa Libertadores da América, o Santos, apesar de estar em meio a disputa do Campeonato Paulista, já trabalha de olho no Campeonato Brasileiro, prioridade do clube nesta temporada. E, por isso, a diretoria santista está no mercado em busca de atletas para reforçar o elenco de Dorival Júnior. “Estamos trabalhando”, admitiu o presidente Modesto Roma Júnior àGazeta Esportiva na noite desta quarta-feira.

Depois de ver frustrada a tentativa em repatriar Robinho, ídolo santista que preferiu fechar com o Atlético-MG, o Peixe resolveu investir as atenções em Michel Bastos e Alan Kardec, ambos do São Paulo. Porém, não houve acordo com o presidente são-paulino, Carlos Augusto de Barros e Silva, mais conhecido como Leco.

“Eu liguei para o Leco e eles não querem liberar nenhum dos dois. Não chegamos sequer a apresentar proposta”, revelou Modesto. “Temos outros nomes. Vamos atrás. Estamos trabalhando para reforçar o time para o Brasileiro”, completou.

A reportagem entrou em contato com o estafe de Michel Bastos, que confirmou ter tomado ciência do interesse do Peixe por meio de um intermediário, mas negou que tivesse aberto negociações.

O plano santista era aproveitar o momento crítico do meia no Tricolor do Morumbi para tentar contratá-lo por empréstimo, com passe de compra fixado. A atual multa do camisa 7, que tem contrato até dezembro de 2017, com uma cláusula de renovação automática para dezembro de 2018, para clubes brasileiros é de R$ 50 milhões.

Nesta semana, o jogador chegou a se reunir com a diretoria do São Paulo para cobrar uma postura mais enérgica e um respaldo maior quanto aos protestos da principal torcida organizada do clube, a Independente. Por conta do clima ruim, sua saída ainda não está descartada. E, se o Santos já está fora do páreo, o Palmeiras é um dos clubes que mantêm esperança em tirar o atleta do rival.

Já no caso de Alan Kardec, a recusa são-paulina em negociar o jogador foi ainda mais imediata. O atacante não sofre tanta pressão quanto seu companheiro e, apesar de ter ganhado a concorrência do argentino Calleri, é utilizado na maioria dos jogos pelo técnico Bauza. Kardec atuou no Santos entre 2011 e 2012 e custou R$ 14 milhões aos cofres do Tricolor.

Modesto Roma Júnior ainda esperava conversar com Leco sobre a dupla em uma reunião dos clubes sul-americanos, no Rio Grande do Sul, marcada para o próximo dia 15. Mas, após algumas ligações entre os presidentes, o assunto, pelo menos por ora, foi encerrado.

Ganso já foi alvo
No ano passado, o Santos também tentou tirar Paulo Henrique Ganso do São Paulo. Modesto Roma Júnior, na ocasião, tratou sobre a situação direto com o ex-presidente Carlos Miguel Aidar. O meia topou voltar à Vila Belmiro, desde que os clubes se acertassem. Ganso não queria deixar o Tricolor da mesma forma conturbada que acabou saindo do Peixe. Mas, o plano alvinegro era ter o atleta por empréstimo. Aidar só aceitava negociá-lo em definitivo e, assim, a negociação terminou sem acordo.

6 comentários em “São Paulo veta saídas de Michel Bastos e Alan Kardec para o Santos

  1. paulo pontes , está sabendo de alguma coisa a respeito das saída do bauza para o mexico?

    sera que o cuca vai treinar o soberano ?

    para sempre soberano

  2. Porque não vendem esses dois descontentes de uma vez ?
    Leco só faz merda, é um bosta mesmo desde a época do Jumencio safado.
    Cadê a ordem no clube, uma zona que ele não faz nada e finge não ver.
    Esse elenco cheio de vagabundos quer mandar em tudo, querem queimar todos os técnicos, porque esse bosta não dá um Esporro nesses come e dorme e vende quem não quer nada?
    Acorda Leco, VC tem mais de 70 anos e vai deixar o SPFC sem ao menos fazer nada de bom?

  3. vendam hoje os dois

    atenção diretoria nao fiquem com jogadores que nao querem ficar no soberano e esses dois nao querem jogar mais no soberano ,portanto para nao atrapalha o grupo vendam eles

    pra sempre soberano

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*