São Paulo não marca e perde clássico no Morumbi

No primeiro clássico San-São da temporada, melhor para o Santos. Jogando no Morumbi, o Peixe foi acuado pelo São Paulo durante quase todo o duelo, mas conseguiu a vitória, por 1 a 0, graças ao faro de gol do atacante Gabigol. Na única oportunidade clara que teve de balançar a rede, o camisa 10 santista não titubeou e acertou um belo chute no canto direito do goleiro Sidão.

Em casa e apoiado pela sua torcida, o São Paulo não conseguiu aproveitar a vantagem e perdeu seu segundo clássico na temporada. O time teve bastante dificuldades para finalizar ao gol e, quando conseguia, parava nas mãos do goleiro Vanderlei. Bem postado na zaga, o Peixe apostou nos rápidos contra-ataques e, em um deles, conseguiu a vitória no clássico.

O time da Vila Belmiro volta a campo no próximo domingo (25), quando enfrenta o Santo André em seu estádio. Por sua vez, o  São Paulo joga na próxima quarta-feira (21), às 21h45. Fora de casa, o Tricolor encara o Ituano em jogo adiado da 7ª rodada do Paulistão.

Impecável

Desde o seu retorno ao Peixe, o atacante Gabigol não tomou conhecimento de seus adversários e em três jogos e anotou três gols. Na tarde deste domingo não foi diferente. Bem marcado pelo sistema defensivo do São Paulo, o camisa 10 santista aproveitou um dos poucos deslizes da defesa tricolor para dar a vitória ao Santos chutando forte de fora da área.

Primeira vitória em clássico

Além dos três pontos, o duelo no Morumbi valia a primeira vitória em clássico para ambas as equipes. O Santos havia perdido para o Palmeiras, por 2 a 1, na quinta rodada do Paulistão, e se redimiu diante do São Paulo. A equipe do técnico Dorival Júnior, no entanto, soma sua segunda derrota seguida na temporada em clássicos. Isto porque, o time já havia sido superado pelo Corinthians, por 2 a 1.

Defesa, enfim, vazada

Além de perder a invencibilidade de quatro jogos, o São Paulo também tomou gol após quatro partidas sem ser vazado. O time havia saído ileso das partidas contra Madureira (1×0), Botafogo-SP (2×0), Bragantino (1×0) e CSA-AL (2×0).

Primeiro tempo são-paulino

O Tricolor foi superior durante toda a primeira etapa do clássico. O time comandado pelo técnico Dorival Júnior chegou a ter mais de 70% de posse de bola no período e finalizou nove vezes ao gol defendido por Vanderlei. Apesar da intensidade de jogo por parte dos mandantes, as equipes foram para o intervalo com a igualdade no marcador.

Reestreia
O zagueiro Arboleda fez seu primeiro jogo na temporada 2018. O jogador teve uma lesão constatada na reapresentação ao clube após as férias e esteve em tratamento durante todo o mês de janeiro e o início de fevereiro. A princípio, o equatoriano ficaria no banco de reservas, mas como Anderson Martins foi cortado momentos antes do embarque da delegação para o Morumbi, Arboleda ganhou a oportunidade.

Melhor público do ano 

O São Paulo registrou seu melhor público do ano. Para o duelo com o Santos, o Tricolor colocou 36.118 pessoas no Morumbi. A melhor marca até então havia sido no dia 20 de janeiro, quando os são-paulinos registraram 17.171 pagantes para a estreia da equipe no Morumbi em 2018, contra o Novorizontino.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO X SANTOS 


Local: estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data-Hora: 18/2/2018 – 17h
Árbitro: Raphael Claus
Auxiliares: Emerson Augusto de Carvalho e Alex Ang Ribeiro
Público/renda: 36.118 pagantes/ R$ 658.240,01
Cartões amarelos: Petros (22’/1ºT), Gabigol (19’/2ºT), Alison (23’/2ºT), Reinaldo (40’/2ºT), Éder Militão (45’/2ºT) e Arthur Gomes (47’/2ºT)
Cartões vermelhos: –
Gols: Gabigol (9’/2ºT) (0-1)

São Paulo: Sidão; Éder Militão, Arboleda, Bruno Alves e Reinaldo; Jucilei, Petros e Nenê; Marcos Guilherme (Valdívia, aos 17′ do 2ºT) , Diego Souza (Tréllez, aos 25 do 2ºT) e Cueva (Brenner aos 23′ do 2ºT). T: Dorival Júnior

Santos: Vanderlei; Daniel Guedes, Lucas Veríssimo, Gustavo Henrique e Jean Mota; Alison, Renato (Léo Cittadini, aos 28′ do 2ºT) e Vecchio; Copete (Guilherme Nunes, aos 33 do 2ºT), Sasha (Arthur Gomes, aos 25′ do 2ºT) e Gabigol. T: Jair Ventura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*