São Paulo e mexicanos se garantem, e Libertadores chega a 25 classificados

Em uma semana a Taça Libertadores 2015 conhecerá boa parte dos confrontos preliminares e da fase de grupos. O que impede a total transparência é o sorteio, marcado para o dia 2 de dezembro, em Luque, no Paraguai. Até agora, o principal torneio de clubes do continente chegou a 25 dos 38 participantes definidos (65%).

O São Paulo está entre os últimos a se garantirem matematicamente, através do Campeonato Brasileiro – o campeão Cruzeiro é outro classificado direto à fase de grupos. No México, Tigres, do zagueiro Juninho, ex-Botafogo, e Atlas, do atacante Maikon Leite, ex-Palmeiras, se juntaram ao Morelia, campeão da copa do país.

Montagem Juninho Tigres e Maikon Leite Atlas (Foto: Editoria de arte)Atlas, de Maikon Leite, e Tigres, de Juninho, estão classificados para a Libertadores 2015 (Foto: Editoria de arte)

No Brasil, o mais provável é que Corinthians (99%), Internacional (91%) e Atlético-MG (92%) ocupem as vagas restantes, de acordo com dados do matemático Tristão Garcia. O Galo, inclusive, poderá comemorar já na quarta-feira, caso conquiste a Copa do Brasil sobre a Raposa (venceu o jogo de ida por 2 a 0). Grêmio (15%) e Fluminense (3%) ainda sonham.

Bosquilha gol São Paulo x Santos (Foto: Alexandre Schneider / Getty Imagens)Gol de Boschilia contra o Santos colocou São Paulo na Libertadores (Foto: Alexandre Schneider / Getty)

Enquanto isso, os vizinhos sul-americanos já conhecem boa parte dos postulantes ao título da próxima edição: quatro da Argentina, três de Bolívia, México, Uruguai e Venezuela; dois do Peru e Paraguai; além de um do Chile, Colômbia e Equador. Chama a atenção o fato de dois semifinalistas da competição deste ano ficarem fora da próxima edição: o Bolívar, da Bolívia, e o Defensor, do Uruguai. Outra ausência de peso vem do país celeste: o Peñarol, cinco vezes campeão do torneio entre os anos 60 e 80 e vice em 2011, não se classificou, o que não acontecia desde 2010. Em compensação, o torneio terá a volta de dois velhos conhecidos: o argentino River Plate, fora desde de 2009, e o Colo-Colo, que não disputa desde 2011.

A Argentina já conhece quatro de seus seis clubes: além do River – vencedor do Torneio Final -, o San Lorenzo vai defender o título continental, e o Boca Juniors ao menos a última vaga do país já assegurou como o melhor hermano na Copa Sul-Americana – os xeneizes estão na semifinal com o River, qualificado pelo torneio nacional. O Vélez Sarsfield entra por ser o melhor time na tabela agregada nos dois turnos do campeonato local de 2013/2014. Rosário Central e Huracán definirão a Copa Argentina – e consequentemente mais uma vaga na quarta-feira à noite.

Boca Juniors X River Plate - La Bombonera (Foto: Agência EFE)Boca Juniors e a temida La Bombonera estarão na edição de 2015 da Libertadores (Foto: Agência EFE)

Confira os classificados para a Libertadores-2015:

Argentina (6): San Lorenzo, River Plate, Vélez Sarsfield, Boca Juniors

Bolívia (3): The Strongest, Universitário Sucre, San José

Brasil (5): Cruzeiro e São Paulo

Chile (3): Colo-Colo

Colômbia (3): Atlético Nacional

Equador (3): Emelec

México (3): Tigres, Atlas e Morelia

Paraguai (3): Libertad, Guaraní

Peru (3): Juan Aurich, Alianza Lima

Uruguai (3): Danubio, Montevideo Wanderers e Nacional

Venezuela (3): Mineros de Guayana, Zamora e Deportivo Táchira

Calendário da Libertadores-2015:

Sorteio dos grupos: 2 de dezembro de 2014
Primeira fase (Pré-Libertadores): 4 a 11 de fevereiro
Fase de grupos: 18 de fevereiro a 22 de abril
Oitavas de final: 29 de abril a 13 de maio
Quartas de final: 20 a 27 de maio
(Pausa para a Copa América)
Semifinais: 15 a 22 de julho
Finais: 29 de julho e 5 de agosto

 

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*