São Paulo arranca empate e está na final da Copa do Brasil Sub-20

O São Paulo empatou com o Palmeiras em 1 a 1 na noite desta terça-feira, no estádio Novelli Júnior, em Itu, e se classificou para a final da Copa do Brasil Sub-20. O Tricolor tinha a vantagem do empate por ter vencido o jogo de ida, há uma semana, por 1 a 0.

Os dois gols foram marcados de cabeça, no segundo tempo. Aos 6 minutos, o Verdão saiu na frente com Léo Passos. Aos 39, Geovane empatou a partida.

O São Paulo busca o tricampeonato da competição, já conquistada em 2015 e 2016.

Geovane, do São Paulo, comemora o gol de empate contra o Palmeiras (Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net)

Geovane, do São Paulo, comemora o gol de empate contra o Palmeiras (Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net)

O Tricolor do técnico Orlando Ribeiro jogou com Júnior; Caio, Walce, Rodrigo e Weverson; Diego, Luan (Tuta) e Igor Gomes; Helinho (Danilo), Toró (Geovane) e Gabriel Novaes (Rafael).

Comandado por Wesley Carvalho, o Verdão foi a campo com Magrão; Matheus Rocha, Vitão (Helder), Patrick e Lucas Esteves; Gabriel Furtado (Gabriel Menino), Matheus Neris (Alan) e Yan (Patrick de Paula); Fernando (Guilherme Vieira), Léo Passos (Airton) e Papagaio.

O adversário do São Paulo na final sai na próxima quinta-feira. Às 18h30 (de Brasília), no estádio Nilton Santos, Botafogo e Corinthians fazem o jogo de volta da outra semifinal da Copa do Brasil Sub-20.

Na ida, em Bragança Paulista, o Timão venceu por 2 a 0. Por isso, no Rio, pode até perder por um gol de diferença para ser finalista.

Fonte: Globo Esporte

4 comentários em “São Paulo arranca empate e está na final da Copa do Brasil Sub-20

  1. Vários meninos, ao passar pela peneira de Cotia, eram repassados aos empresários e nem para o clube entravam. Fiquei sabendo que na era JJ isso acontecia. É o Brasil de hoje.

  2. Penso que o SPFC está mais atento na questão de promover jovens valores, principalmente pelos casos de M. Cipriano e Militão. Quanto ao Brenner vejo que o clube está fazendo a transição correta, ele tem apenas 17 anos, e mesmo Pedrinho das galinhas que só agora está tendo mais chance, ele tem 20 anos e ainda passa por reforço muscular.
    Na minha opinião o clube tem que se estruturar financeiramente e deixar de depender somente da venda de jovens valores para sobreviver. Se buscar qual o clube brasileiro que mais exporta jogadores para o mundo vamos verificar que o SPFC está disparado na frente. Se conseguir manter o atleta por mais tempo terá mais chance de ser um clube competitivo, além de valorizá-lo ainda mais na hora de vender.

    • Claro que depois de tomar uma dezena de “passa-moleques” – vide os casos anteriores de Oscar e de Lucas Piazon – parece que aprenderam, pero “no mucho”. O Militão vai sair de graça… quietinhos, seus “orientadores de carreira”, estão chutando o Tricolor, ignorando, por conseguinte, a chance de crescer na profissão lhe dada pelo Tricolor.

  3. Acabo de ler uma notícia, comparando as “joias” Rodrygo (Santos) e Vinicius Junior (Flamengo), ambos sob monitoramento de clubes europeus de primeira linha. A notícia me levou a uma reflexão, seguida de uma indagação: por quê a nossa base não vem revelando “joias” desse quilate? Será que a estrutura do Santos, por exemplo, é melhor que a nossa? Ou será que as nossas “joias”, na verdade, não passam de bijuterias? Ou ainda, será que o esquema implantado para a transição Cotia/Barra Funda não funciona? Vejamos o recente caso da nossa “joia” Brener. Esquecido na Barra Funda, já está de volta a Cotia. Certamente, daqui uns meses, esse será o caminho de outras revelações, como Helinho, por exemplo. Existe algo errado… e nossos “competentes” diretores terão que identificar, se não, ano após ano, vamos ficar aqui “chupando o dedo” e batendo palmas para o surgimento de jovens talentos, como são Rodrygo, Neimar, Lucas Paquetá, Vinicius Junior, Pedrinho (do time da zona leste), etc., etc..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*