São-paulinos já admitem ter menos entusiasmo com Brasileiro

A cada semana que passa, diminui o interesse do São Paulo pelo Campeonato Brasileiro. Mesmo antes da derrota de domingo para o Atlético-PR, na capital paranaense, o elenco vinha deixando subentendido – embora viesse ganhando – que a prioridade, uma hora ou outra, seria a Copa Sul-americana, o que agora já mostra claramente.

“Na Sul-americana, por se tratar de (uma disputa de) título, você fica mais entusiasmado”, admite o atacante Ademilson, não sem lembrar que precisa ter igual seriedade na competição nacional. “Vamos tentar chegar o mais longe possível em todos os campeonatos”, cobra-se.

Fernando Dantas/Gazeta Press

Ademilson admite mais interesse na Sul-americana

O discurso é reflexo da campanha. A chance de classificação para a próxima edição da Libertadores através do Brasileiro é muito menor do que pela Sul-americana. A distância para o G-4 é de sete pontos – restando cinco rodadas -, enquanto, no torneio continental, o time está na semifinal e depende apenas de si para conquistar o título e consequentemente a vaga.

 

“Sempre falo que temos que desligar o botão do Brasileiro”, havia dito, na segunda-feira, o também atacante Aloísio, que foi vetado do confronto desta quarta-feira, contra o Flamengo, por conta de dores musculares na coxa esquerda. Seu substituto será Luis Fabiano, o qual não apresenta condicionamento físico ideal e tem sido preparado com enfoque na Sul-americana.

O duelo de ida da semifinal da Sul-americana, porém, será apenas em 20 de novembro, na quarta-feira da próxima semana. Antes disso, além de receber o Flamengo, em Itu, a equipe treinada por Muricy Ramalho visitará o Fluminense, no Rio de Janeiro – aí, sim, provavelmente com formação mista.

Ademilson, apesar do pouco entusiasmo com o Brasileiro, não quer ficar fora em nenhuma situação. “Quero sempre jogar. Pela disputa que há no elenco, não só no ataque, quem tem chance e vai bem pode acabar ficando no time. Quando há chance, é sempre bom jogar”, lembra, mais interessado.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Um comentário em “São-paulinos já admitem ter menos entusiasmo com Brasileiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*