Rodrigo Caio trabalha com bola e está próxio do retorno

O zagueiro Rodrigo Caio avançou em seu processo de recuperação, durante a tarde desta terça-feira. No CT da Barra Funda, o camisa 3 trabalhou com bola pela primeira vez desde que sofreu uma torção no pé esquerdo e se aproximou de seu retorno aos treinos com todo o grupo.

O jogador, que admitiu estar chegando a hora de deixar o clube, se lesionou nos minutos finais do empate sem gols com o Ceará, no último dia 22, em Fortaleza, pelo Campeonato Brasileiro. Ficou de fora, portanto, dos duelos com Fluminense e Atlético-MG.

Nesta tarde, a pedido do técnico Diego Aguirre, os jornalistas só puderam acompanhar o aquecimento do treino tricolor. Nesse período, contudo, foi possível ver Rodrigo Caio trocando passes e realizando exercícios leves ao lado do centroavante Gonzalo Carneiro, que aprimora a forma física após se recuperar de uma lesão no púbis.

De qualquer forma, o defensor seria desfalque contra o Rosario Central-ARG, nesta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), no Morumbi, pela primeira fase da Copa Sul-Americana. Expulso no jogo de ida, terá de cumprir suspensão no duelo de volta. Bruno Alves deverá substituí-lo.

Sendo assim, caso evolua de forma satisfatória nos próximos dias, poderá ficar à disposição para o embate com o Bahia, neste domingo, às 16 horas, na Arena Fonte Nova, pela quinta rodada do Brasileirão.

Já Carneiro, mesmo inscrito no torneio continental, terá de esperar mais um pouco para estrear com a camisa tricolor. Na semana passada, o uruguaio havia iniciado os trabalhos com todo o elenco, mas a comissão técnica é cuidadosa com o atacante e ainda aguarda uma condição física mais segura para colocá-lo em campo.

Em compensação, dúvidas para a partida decisiva diante do Rosario, Nenê e Militão aqueceram com bola ao lado dos companheiros nesta tarde e devem enfrentar os argentinos, após sentirem dores musculares no último final de semana.

Como o primeiro encontro terminou empatado sem gols, o time que vencer nesta quarta avançará de forma direta à segunda fase. Um novo 0 a 0 levará a decisão para os pênaltis. Já uma igualdade com gols dará a vaga aos argentinos.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*