Ney Franco, sobre Luis Fabiano: ‘Se definir que quer sair, não tem como’

Em meio à turbulência pela incerteza do futuro de Luis Fabiano no São Paulo, o técnico Ney Franco foi reticente em relação à possibilidade de perder seu camisa 9. Diferentemente do discurso adotado anteriormente, o treinador disse, após o empate com o Grêmio, em Porto Alegre, que não terá como impedir a saída se o jogador assim decidir.

– A questão do Luis Fabiano não é só técnica, não é só o treinador. Claro que me posiciono, mas existem alguns aspectos que não temos argumentos. Se o jogador definir que quer sair, não tem como, nenhum vai ficar no elenco contra a vontade. Vou seguir o trabalho com ou sem Luis Fabiano – disse Ney Franco, ainda na Arena Grêmio.

Ney, que disse ter conversado com Luis Fabiano e pedido à diretoria para que o atacante não fosse vendido, afirmou que não entrará na vida pessoal do jogador para convencê-lo a permanecer no Morumbi.

– Minha responsabilidade é de armar a equipe, não tenho controle sobre o torcedor. A cada rodada no Morumbi, quando tem insucesso, alguém é vaiado. No jogo anterior, foi o treinador. Antes foi o Luis Fabiano. Tem que entender essa pressão. Mas tem que entender que se não está feliz, tem todo o direito. Se o Luis for isso, não sou eu quem vai entrar na vida pessoal do atleta e convencê-lo de que pode ser feliz no São Paulo.

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.