Ney Franco sai em defesa dos contestados Douglas e Cortez

Os laterais do São Paulo já avisaram que estão se adaptando a uma nova função no time. Desde que Ney Franco instituiu o esquema 4-4-2, Douglas e Cortez, acostumados a apoiar o ataque, agora precisam ajudar mais a defesa. As dificuldades na marcação apareceram, e a dupla foi bastante criticada. Nesta sexta-feira, o comandante são-paulino saiu em defesa dos alas.

– Em alguns momentos, fica a imagem de que nossos laterais estão errando, mas não é assim. A maioria dos clubes está jogando com três meias, e esse terceiro meia às vezes cai pelo lado e encaixa para o centro como um terceiro atacante. O lateral tem de acompanhar. Então, se não tiver ninguém para marcar o lateral adversário, o nosso fica muito exposto, com dois marcadores – explica Ney Franco.

O São Paulo sofreu o gol do empate por 1 a 1 com o Internacional, na última quarta-feira. O lateral-esquerdo Fabrício foi à linha de fundo e cruzou para Dagoberto completar para o gol. Ney Franco diz que Osvaldo falhou na marcação

– Talvez se questione o fato de Cortez ter deixado o Dagoberto aparecer livre. Mas Osvaldo deveria ter acompanhado o Fabrício. Por isso, fiz a troca de lado entre o Osvaldo e o Maicon, que já faz isso com mais frequência.

O técnico trabalha para acertar essa marcação até o clássico contra o Santos. O duelo, válido pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro, está agendado para as 16h deste domingo, na Vila Belmiro.

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*