Ney cobra responsabilidade diante de rival que eliminou Nacional

A vaga conquistada frente ao uruguaio Nacional credenciou a Liga Deportiva Universitaria de Loja a enfrentar o São Paulo nas oitavas de final da Copa Sul-americana. Apesar de desconhecida, a equipe equatoriana é tratada com respeito pelos brasileiros, justamente pelo fato de ter eliminado um poderoso adversário, também tricampeão da Copa Libertadores.

“Só de ter passado pelo Nacional, ela já merece uma atenção, e temos de entrar com responsabilidade”, diz o técnico Ney Franco, ao elencar as informações que colheu a respeito do rival desta quarta-feira.

“É uma equipe armada no 4-4-2, com um volante que sai bem para o jogo. Tem também um brasileiro (Fábio Renato), que é o artilheiro da competição, e um goleiro experiente. Estudei muito essa parte tática. É um time que se destacou contra o Nacional na parte coletiva”, comentou.

Afora o potencial da própria LDU, a cansativa viagem até Loja é outro fator que poderia prejudicar o São Paulo na partida de ida das oitavas. Com três paradas entre a capital paulista e o destino final, a viagem durou quase 20 horas. Isso, no entanto, foi minimizado por Ney Franco.

“Nos preparamos para esse momento. Quando vimos que a LDU de Loja se classificou, sabíamos que seria uma viagem desgastante. Nossa equipe está muito bem preparada para disputar os dois torneios. O detalhe da viagem, aeroportos, não vai influenciar o time”, justificou.

O treino que define a formação titular ocorre na noite desta terça-feira, no Estádio Reina del Cisne, palco da partida. O duelo será às 22 horas (de Brasília) de quarta.

Fonte: Gazeta Esportiva – Foto: Vipcomm

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*