Muricy volta a esconder equipe, mas deve deixar Ganso no banco

Depois de três semanas comandando treinos abertos para a imprensa, Muricy Ramalho voltou a ensaiar em segredo a equipe titular do São Paulo. Na tarde desta quarta-feira, o treinador liberou o acesso dos jornalistas aos campos do CT da Barra Funda somente 40 minutos depois do início da atividade, na qual, ao que se sabe, Paulo Henrique Ganso ficou entre reservas.

O desempenho do meia não vinha convencendo nas últimas partidas. Tanto é que, ao final da derrota de domingo para o Corinthians, foi avaliado de forma negativa pelo chefe. “Ele não gosta de entrar na área. Ele prefere passe a gol. Mesmo que eu fale, pare o treino, ele entra, só que no jogo… Mas isso é do jogador. É o estilo, ele gosta de jogar por trás do volante adversário e enfiar a bola. Mas é claro que a gente continua insistindo”, disse Muricy.

Como Pato tem retorno ao time garantido depois de não ter participado do clássico somente por motivos contratuais, quem mais ganha com isso é Alan Kardec, que perdeu muito espaço nesta temporada e talvez não jogasse – mesmo com o veto médico a Luis Fabiano – por conta da boa atuação de Ricky Centurión diante do Corinthians. Sem Ganso, os quatro nomes do sistema ofensivo devem ser Michel Bastos, Centurión, Alexandre Pato e Alan Kardec.

Além de Luis Fabiano, desfalque por contratura na coxa esquerda, Muricy não terá o volante Souza, que acusou dores na coxa direita. O treinador já não poderia contar com os zagueiros Dória (ainda em recuperação após entorse no tornozelo esquerdo) e Rafael Toloi (suspenso pelo terceiro cartão amarelo). No meio-campo, a disputa fica entre Thiago Mendes e Hudson. Já na defesa, Edson Silva deve ter a companhia de Lucão.

Apesar das baixas, o treinador terá de volta Carlinhos, livre de dores no joelho esquerdo. Ao que tudo indica, o lateral esquerdo deve ganhar a vaga de Reinaldo, jogador que havia perdido a posição na primeira derrota para o Corinthians no ano, mas retomou a titularidade para que Michel Bastos retornasse ao meio-campo

Havia sido na véspera do primeiro clássico, em 18 de fevereiro, a propósito, a última vez que a escalação são-paulina não tinha ficado à mostra. Para os compromissos seguintes (contra Audax, Danubio, Rio Claro e, novamente, Corinthians), o time foi definido sem mistério. Três semanas depois, a confirmação oficial da formação que enfrenta o São Bento, nesta quinta-feira, será dada pouco antes de 19h30 (de Brasília), horário da partida.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Um comentário em “Muricy volta a esconder equipe, mas deve deixar Ganso no banco

  1. Murici, voce parou no tempo,
    so’ administrando seu gordo bolso,
    porque trabalhar o time,
    nem pensar,
    na’o iremos ganhar nada, nem vaga pra segunda fase,
    nem essa merda de paulistinha, nada,
    voce desconstrui uma grande imagem que tinha,
    seu trabalho como profissional treinando futebol
    e’ pra la de mediocre.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*