Muricy descarta contratar volante do Palmeiras agora. Mas não no futuro

Muricy Ramalho falou com a imprensa no CT da Barra Funda nesta sexta-feira. O técnico, entre assuntos sobre a negociação e Douglas para o Barcelona e a ascensão do São Paulo no Brasileirão, falou também sobre a possibilidade de contratação do volante Wesley, do Palmeiras. A partir da semana que vem o jogador poderá assinar um pré-contrato com outra equipe, uma vez que seu vínculo com o Palmeiras se encerra no dia 27 de fevereiro. O técnico do São Paulo descarta uma negociação agora, mas abre possibilidade para o futuro.

“Palmeiras está passando por um momento difícil. Ele é um grande jogador, não quero tumultuar. Não seria legal da minha parte querer tumultuar procurando um jogador tão importante. Agora a gente nem pensa. Não sei, se lá na frente acontecer, tudo bem. Mas a gente nem pensa em fazer isso agora. É uma grande bobagem. Se alguém falou, eu não estou sabendo”, disse o treinador.

A diretoria do São Paulo nega o interesse em Wesley. Tenta não iniciar mais embates diplomáticos com o rival após a transferência do atacante Alan Kardec, que gerou intensa troca de farpas entre os presidentes Carlos Miguel Aidar e Paulo Nobre – que cortou relações entre Palmeiras e São Paulo desde então. No entanto, pessoas ligadas ao volante do Palmeiras afirmam que o interesse do São Paulo existe, já foi informado, mas que o jogador ainda pensa em renovar com seu clube atual.

As opções de Muricy Ramalho para o setor são Denilson e Souza, titulares, além de Maicon, Hudson, reservas, e Rodrigo Caio, que vinha jogando como zagueiro antes da grave lesão no joelho esquerdo. Caso Wesley se transfira para o São Paulo, o negócio se completará apenas em no fim de fevereiro, ao término do contrato.

 

Fonte: Uol

Um comentário em “Muricy descarta contratar volante do Palmeiras agora. Mas não no futuro

  1. Se ele não terá vínculo e legalmente pode assinar com o São Paulo, e se é um jogador que pode vir para somar, então por que não?
    Não entendo essa babaquice que acontece no futebol. É só agir dentro da legalidade e das regras que não há o que reclamar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*