Morre aos 86 anos ex-atacante do São Paulo da década de 50

O São Paulo Futebol Clube, com tristeza, informa e lamenta o falecimento de Sebastião Tomaz de Aquino, aos 86 anos, na noite de ontem, segunda-feira, 29 de maio de 2017.

Nascido na capital pernambucana, no dia 20 de janeiro de 1931, Paraíba, como era conhecido, chegou ao Tricolor em 1955, proveniente do Santa Cruz, e permaneceu no Tricolor Paulista até 1957. Como atleta do clube, a maior conquista de Sebastião foi a Pequena Copa do Mundo de 1955, disputada na Venezuela. Ao todo, Paraíba disputou 43 jogos e marcou 19 gols com a camisa são-paulina.

Depois de deixar os gramados, Sebastião tornou-se policial civil e foi nesse cargo que um triste fato lhe ocorreu. Em um atentado contra a vida do então presidente do Brasil, Costa e Silva, em 1966, no Aeroporto de Guararapes, em Pernambuco, o ex-jogador foi atingido por uma explosão, perdendo, assim, uma das pernas.

Na época, o Tricolor lhe prestou auxílio, fornecendo-lhe uma prótese mecânica. 51 anos depois do ocorrido, Paraíba faleceu por mal de Alzheimer. O sepultamento do ex-jogador será no Cemitério de Santo Amaro, às 16h, desta terça-feira (30).

O São Paulo Futebol Clube se solidariza com família e amigos neste momento de dor.

 

Fonte: Site Oficial

Um comentário em “Morre aos 86 anos ex-atacante do São Paulo da década de 50

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*