Missão La Paz: São Paulo monta programação para vencer altitude

O São Paulo tem pronta sua programação para minimizar os efeitos dos 3.600 metros de altitude em La Paz, na Bolívia. A equipe decidirá sua vida na Taça Libertadores contra o The Strongest, na quinta-feira, dia 21, pela última rodada da fase de grupos. Um empate no estádio Hernando Silles carimba a passagem para as oitavas de final.

O Tricolor viajará para o país apenas na quarta-feira, depois de treinar no CT da Barra Funda. O destino será Santa Cruz de la Sierra, cidade 400 metros acima do nível do mar e de clima similar ao do Brasil. Depois de dormir no local, a delegação só vai a La Paz na tarde de quinta-feira, dia do duelo. A ideia é ficar o mínimo possível no local. Por isso, inclusive, não haverá o treino de reconhecimento no estádio, algo comum entre os times que disputam a Libertadores.

Visão aérea da cidade de La Paz (Foto: Léo Simonini / Globoesporte.com)Visão aérea da cidade de La Paz e estádio Hernando Silles (Foto: Léo Simonini / Globoesporte.com)

– O mais importante é você não ficar muito tempo lá em cima. É melhor chegar na hora do jogo. Joguei lá contra o San José pela Libertadores e é muito difícil. A altitude realmente incomoda, mas o São Paulo está se preparando para isso. O São Paulo vai muito forte para esse jogo – disse Pintado, auxiliar-técnico.

O planejamento adotado pelo São Paulo é o mesmo do Santos na Libertadores de 2012. Na ocasião, a equipe da Baixada se concentrou em Santa Cruz de la Sierra e depois perdeu para o The Strongest, por 2 a 1, após sofrer virada aos 45 minutos do segundo tempo, quando o cansaço mais pesa para os jogadores.

– Joguei uma vez na altitude, em 2012, e sei que é difícil. Mas estamos a um empate da classificação e vamos em busca disso – disse Rodrigo Caio.

Antes de encarar o The Strongest, o São Paulo enfrentará o Audax, domingo, às 18h30, em Osasco, pelas quartas de final do Paulistão. O time se reapresenta nesta quinta-feira à tarde, no CT da Barra Funda.

 

Fonte: Globo Esporte

6 comentários em “Missão La Paz: São Paulo monta programação para vencer altitude

  1. Eh vai ver minguem manja nada nos clubes. Só os torcedores que nunca jogaram na altitude tem conhecimento para definir a melhor estrategia. O bando de modinha.

  2. Na verdade, o primeiro time que eu vi subir para a altitude só na hora do jogo foi exatamente o São Paulo do Telê. Em 92, ganhamos uma e empatamos outra com essa estratégia.

  3. Burrice, o correto a meu ver era o time viajar amanhã mesmo e por uma equipe alternativa no paulista. Vai copiar o que o Santos fez e deu errado?

  4. Burrice, deveriam ir segunda-feira pra La Paz e ficar se adaptando à altitude, como fez o Grêmio ontem e ganhou da LDU.
    Os burros vão copiar o que não deu certo com o Santos, nos tempos de Telê, o SPFC era organizado e levava o time antes, isso a mais de 20 anos atrás, ao invés de progredir regredimos, lamentável!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*