Mesmo com dois volantes, Lucas e Osvaldo têm de ajudar na defesa

No treino dessa sexta-feira, no CT da Barra Funda, o técnico Ney Franco fez alterações no meio de campo. Para ganhar mais força na marcação, ele sacou Maicon e optou pela entrada de Wellington. Contudo, o treinador, que escalou três atacantes, pretende ver todos os jogadores ajudando a defesa, principalmente Lucas e Osvaldo.

– O Lucas faz bem isso e o Osvaldo precisa desenvolver um pouco mais. O Lucas fez isso na sub-20, na principal. Eles têm essa incumbência de ajudar na marcação – declarou Ney, em entrevista coletiva.

Projetando os jogos contra Palmeiras e Vasco, o técnico ressalta que os dois adversários têm, na bola parada, um artifício importante. Com a entrada de mais um marcador, a equipe pode conter mais as jogadas dos rivais. Contudo, ele também enaltece o seu camisa 10, o jogador com mais assistências nesse Brasileiro.

– Além de neutralizar as jogadas, nos dois próximos jogos, temos duas eqiupes com jogadas fortes de bola parada. Só que do nosso lado temos um potencial enorme também. O Jadson bate muito bem na bola e trabalhamos isso. Intesificamos esse trabalho. Para eliminar essas jogadas, temos que evitar as faltas nas laterais do campo – afirmou.

Na quinta-feira, o volante Denilson já demonstrava vontade em contar com mais um volante no time. Em coletiva, ele ficou alegre a possibilidade, agora confirmada, de ter Wellington como parceiro para o clássico.
Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*