Leão ironiza críticas ao São Paulo e se irrita com pergunta sobre risco de demissão

O técnico Emerson Leão concedeu uma breve coletiva nesta terça-feira no São Paulo em que não teve o seu costumeiro bom humor ao falar com os jornalistas. Ele ironizou as críticas ao desempenho no jogo de ida contra o Coritiba e ficou irritado ao ser questionado sobre o risco de ser demitido em casa de uma eliminação para a Copa do Brasil.

Em evento na segunda-feira no Morumbi, o presidente Juvenal Juvêncio garantiu o treinador no cargo mesmo em caso de o São Paulo ser eliminado pelo Coritiba no duelo desta quarta no Couto Pereira (às 21h50).

“Não muda nada no meu trabalho aqui. Não sei porque perguntaram isso pra ele [Juvenal], porque fizeram essa pergunta. Pelos números não foi. Não muda nada. O que muda é a nossa responsabilidade pela vitória. É isso que buscamos: sempre mais responsabilidade, mais trabalho e mais alegria”.

Na última quinta-feira, o São Paulo venceu o Coritiba por 1 a 0 no jogo de ida com um golaço do meia-atacante Lucas quase nos acréscimos.  Mas os próprios jogadores admitiram um desempenho abaixo da média e a superioridade do rival, fato ironizado por Leão nesta terça-feira.

“Se aquela desorganização foi suficiente, gostaria de repetir o suficiente. Tua palavra desorganização é pra você, não pra mim. Jogamos dentro de uma necessidade. Do outro lado tem um time bem reinado, bem definido e esperançoso. É um titulo que salva o ano”.

Fonte: Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*