Dorival agradece torcida por apoio “sem agressões” em arrancada

O técnico Dorival Júnior ainda não considera o time do São Paulo livre do rebaixamento para a segunda divisão do Campeonato Brasileiro, mas não abre mão de agradecer o auxílio da torcida na arrancada recente da equipe. Para ele, os são-paulinos mostraram como apoiar o clube sem violência em um momento difícil.

“A torcida do São Paulo tem feito a diferença. Em momento nenhum foi agressiva e violenta. Mostrou outra forma de agir, respeitando sempre, buscando incentivar”, comentou o treinador, justamente na semana em que palmeirenses picharam o muro do Palestra Itália para reclamar da fase do time, atualmente terceiro colocado do Brasileiro.

“Foi fundamental na recuperação da equipe. Isso é muito pouco falado, às vezes as agressões são muito valorizadas. A postura deles deveria ser enaltecida”, continuou o comandante, que não pegou grandes protestos dos torcedores na atual temporada. Ano passado, porém, alguns membros das torcidas organizadas chegaram a invadir o CT da Barra Funda.

Elogioso aos aficionados, Dorival não quis fazer grandes promessas a eles para esse final do ano. Mesmo com 45 pontos, ele vê o Z4 ainda como ameaça antes de poder pensar em se classificar para a Libertadores da América do ano que vem.

“Importante, cada momento, um ponto aqui e outro ali, acho que em razão da dificuldade que a equipe vinha tendo, mantemos uma regularidade, buscando pontos fundamentai”, concluiu o comandante do Tricolor, que terá pela frente o Grêmio, nesta quarta-feira, às 19h (de Brasília), na arena dos gaúchos.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*