Dirigente do Flamengo faz pressão para clube ter Ganso

A nova crise que atinge o futebol do Flamengo faz com que o nome de Ganso volte a ganhar força nos bastidores. Desta vez, há uma pressão por parte do vice de finanças, Michel Levy, para que o clube faça uma proposta para adquirir os 45% dos direitos econômicos do jogador que pertencem ao Santos, aceitando pagar o valor da multa de R$ 23,8 milhões pedida pelo Peixe.

O dirigente tenta convencer as pessoas do departamento de futebol, mostrando que o investimento poderá ser válido. Em função da falta de opções no mercado interno nas divisões inferiores, o Flamengo ainda não conseguiu contratar um camisa 10 para o Brasileiro.

 

A possibilidade de ter Ganso já havia sido descartada pelo clube por causa das questões econômicas que envolvem a transação.

O clube recebeu na semana passada R$ 30 milhões dos R$ 40 milhões das luvas do contrato de transmissão do Campeonato Brasileiro. Boa parte desse montante, porém, será usado para o Flamengo quitar parte do passivo tributário. Uma comissão formada por conselheiros do clube definirá quanto será destinado ao pagamento das dívidas de impostos.

O São Paulo, que já ofereceu R$ 11 milhões e R$ 12,5 milhões pelos 45% dos direitos do atleta que pertencem ao Peixe, pode fazer uma nova proposta nos próximos dias. O valor pode ser de R$ 17 milhões. O Tottenham, de acordo com o jornal “The Mirror”, está disposto a desembolsar até R$ 20 milhões.

A postura do Santos é de só liberar o camisa 10 pelo valor integral da multa rescisória que é de R$ 53 milhões, dos quais aproximadamente R$ 29 milhões deveriam ser repassados à DIS, dona de 55% dos direitos.
Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*