Direito em venda, multa e aumento: veja o que Ganso quer para renovar

O São Paulo e o empresário de Paulo HenriqueGanso, Giuseppe Dioguardi, vão retomar as conversas pela renovação de contrato do jogador depois do feriado da Páscoa. O vínculo do meia vale até setembro de 2017, mas o clube quer antecipar a prorrogação.

Para renovar, Ganso levará em conta o salário oferecido, o tempo de contrato, a multa rescisória (agora é de 25 milhões de euros, R$ 103 milhões pela cotação atual) e até participação em uma futura venda. Pelo vínculo vigente, ele não teria direito a nenhuma porcentagem em caso de venda.

A conversa sobre o valor da multa rescisória ou de uma eventual cláusula de saída em caso de propostas é importante para Ganso porque o meia tem o objetivo de atuar na Europa no futuro. Clube e jogador iniciaram as tratativas há aproximadamente dois meses, perto do período em que surgiu o interesse do Hebei China Fortune no atleta – o Tricolor não chegou a receber uma proposta dos chineses.

Hoje, Ganso recebe aproximadamente R$ 300 mil, menos do que Lugano, Wesley e Alan Kardec, por exemplo. A sinalização do São Paulo de pagar R$ 400 mil não o interessa. O argumento é de que o montante serviria apenas para repor a inflação acumulada de 2012 até agora, período em que ele não recebeu aumento.

Mas o próprio presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, disse que abriria mão do teto salarial para pagar mais a Ganso. O Tricolor tem estratégias financeiras definidas e entende ser possível revisar o valor do teto, mas considera primordial o tamanho da vontade de Ganso em estar no clube para obter um acordo.

Segundo Dioguardi, não houve recusa de nenhum valor oferecido ao jogador. O São Paulo diz que há encontros e desencontros durante a negociação. De acordo com o diretor de futebol do clube, Luiz Antonio da Cunha, o camisa 10 não aceitou a primeira proposta, mas os dois lados querem um acordo.

– Não houve recusa. Pelo contrário: por que recusaríamos, se fomos nós que procuramos o São Paulo para renovar desde 2014? Só não achamos que era o momento ideal para conversar por uma série de fatores (em janeiro). A China (Hebei Fortune) veio forte e falta muito tempo ainda. Desde a primeira passagem do Gustavo (Vieira de Oliveira, diretor-executivo, em 2014), eles não tiveram interesse duas vezes e adiaram. Agora é a hora de conversar. Não há pressa, temos cautela. Não renovamos porque estávamos esperando a agenda bater. Houve troca de presidente, treinador, depois viajei e agora vamos retomar – afirmou o agente.

Desde 2012 no São Paulo, Ganso despertou interesse de Napoli, Al-Ittihad, Orlando City e Flamengo. Em todas as ofertas o meia receberia mais do que agora no Tricolor. Além disso, Leco gosta de Ganso e não deseja negociá-lo. Todos esses pontos serão colocados em pauta nas conversas para renovar o contrato do jogador, cujos direitos econômicos são divididos entre DIS (68%) e São Paulo (32%).

Nessa temporada, Ganso participou de nove dos 17 gols do time no ano, com seis gols e três assistências. A última delas foi para Calleri, na vitória por 1 a 0 sobre o Botafogo-SP, quarta-feira, no Pacaembu.

– Temos uma relação muito boa com a diretoria do São Paulo. O Ganso é feliz, gosta do clube e da torcida. Vamos sentar e conversar, mas não foi recusado (renovar o contrato). Ficamos de voltar a nos falar depois do feriado da Páscoa – disse Dioguardi.

 

Fonte: Globo Esporte

8 comentários em “Direito em venda, multa e aumento: veja o que Ganso quer para renovar

  1. Se Wesley , Kardec e mais uns cabeças de bagre ganham o que ganham , Ganso tem direito de ganhar o que merece.
    Vendam uns 4 desses caneleiros e aí sobrará dinheiro para pagar o Ganso. O Alan Kardec até agora tá se saindo bem pior que o LF, pois este pelo menos não perdoava os “cachorro mortos”.

  2. Acho justo ate o aumento para o Ganso afinal de contas só tem dado ele no time, que alem de fazer os passes, esta marcando gols e ajudando a marcar, é o cara do momento, agora que nao é justo esse tal de Wesley ganhar mais que ele, Lugano e Kardec tb o que eles fizeram e fazem para ter salario maior.
    Se eu fosse o Ganso nao aceitaria renovar e tentaria ir embora para Europa fazer a sua vida como tantos outros jogadores foram e ate jogadores pior que ele ganhando rios de dinheiro fora do Brasil, chegou sua hora, aqui nao vai dar em mais nada com esse time que nao joga como deve, jogadores andando em campo, so fazendo besteira.

  3. Está há quase quatro anos e ganhou uma meia sul-americana. Pouco pra ter salario top. Quer ir embora abraço. Sobrevivemos sem Pedro Rocha, Rai entre outros.

  4. Ah, ainda tem o caso Michael Bastos, se ele marcar gols em uns 4 jogos, q seja, ja vai ter “torcedor” q outrora queria vê-lo decaptado, agora iriam achar um absurdo ele ganhar oq ganha, teria q renovar correndo para ganhar 1milhão. As vezes tbm tem uma certa desconfiança com o M. Bastos nessa historia de panelinha, ou corpo mole. O problema q nossos torcedores são mto CORNETAS, ou é 8 ou 800000000000. Assim não dá, por causa disso, ja perdemos VÁRIOS jogadores bons, só pq a torcida pegava no pé. Aí eu fico me perguntando, se até bem pouco tempo atrás, a diretoria tivesse dado ouvidos a torcida corneta(QUE SÃO OS MESMO QUE ACHAM UM ABSURDO ELE GANHAR POUCO HJ), e tivesse mandado o Ganso embora?!

  5. Não vou dzer q é certo, esse ou aquela ganhar mais do que Ganso, mas é engraçado vê na maioria dos sites, o espanto dos “torcedores” do Tricolor, achar AGORA, q Ganso ganha pouco, ou q é absurdo ele ganhar menos do alguns, sendo q até bem pouco tempo atrás, mas bem pouquinho tempo mesmo, queriam q ele fosse mandado embora, trocado ou negóciado. Até bem pouco tempo atrás, Ganso não passava de um come e dorme, ou morto vivo, em campo! Eita, viva os corneteiros tricolores, q entendem tudo de futebol.

  6. vai enteder essa diretoria como pode alan kardec psicólogo, Lugano Mito mas fraco atualmente nao seria titular no meu time , e wesley horroroso ganhar mais , nao faz sentido algum ……….

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*