Cuca mostra confiança no São Paulo e descarta pedir lista de reforços a Leco

Mesmo sem ter licença médica para começar de maneira efetiva o trabalho como técnico do São Paulo, Cuca quer estar mais presente no dia a dia do clube. Ontem, o treinador esteve no CT da Barra Funda para se reunir com dirigentes. Apesar de o time não viver um bom momento, ele mostrou confiança no projeto e disse estar esperançoso de que a equipe poderá fazer uma boa campanha no Campeonato Brasileiro.

No encontro com o presidente do clube, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, com o gerente executivo, Alexandre Pássaro, e com o executivo de futebol, Raí, Cuca não passou uma nova lista de reforços. Porém, ele ainda espera ver o Tricolor reforçado.

Em outras oportunidades, ele já havia citado alguns jogadores que gostaria de contar, como Roger Guedes, Tchê Tchê e Keno. No entanto, ele está ciente de que só poderá trazer alguém caso o Tricolor paulista negocie integrantes do seu elenco. Até o momento, o São Paulo só emprestou Diego Souza e Araruna, para Botafogo e Fortaleza, respectivamente.

Além disso, o treinador sabe que março, por ser meio de temporada, não é um mês muito propício para o clube atuar no mercado da bola. Por isso, a tendência é de que o departamento de futebol só consiga trabalhar de maneira mais ativa para buscar reforços após o término do estadual.

Em determinado momento da visita, Cuca também quis conversar com o coordenador técnico de futebol e treinador interino, Vagner Mancini. O comandante ouviu as impressões do colega sobre o time, mas não fez qualquer observação de como os jogadores devem ser utilizados ou sobre esquema tático.

Apesar de estar bastante motivado para começar a dirigir o São Paulo, Cuca tem recomendação médica para iniciar o trabalho na metade de abril. Não há qualquer previsão de o treinador receber uma liberação para acelerar este processo.

A reunião de Cuca aconteceu na tarde de ontem, pouco antes do início do treino. O técnico não teve uma conversa específica com os jogadores, mas encontrou alguns atletas nas dependências do clube. O Tricolor paulista enfrenta o Palmeiras neste sábado, no Pacaembu, pelo Campeonato Paulista.

7 comentários em “Cuca mostra confiança no São Paulo e descarta pedir lista de reforços a Leco

  1. Cuca descarta lista de reforços, espero que tenha a mesma estrutura do Sampaoli que assumiu o Santos e fez dos limões a disposição uma boa limonada.
    Ocorre que o elenco do São Paulo Futebol Clube é o elenco montado por gente de um clube que não entende nada de futebol, entende sim de ganhar dinheiro fácil na venda de garotos da base (vide agora Militão) e negociatas entre empresários.
    Uma boa parte do quadro associativo do São Paulo Futebol Clube se beneficiará um dia da estrutura existente, mas destruirá o legado de futebol que deu origem ao que eles têm hoje. Um quadro associativo que é um bando de gafanhotos incompetentes, mancomunado entre si e composto por são paulinos, corintianos, palmeirenses, santistas, cruzeirenses, atleticanos, gremistas, etc etc…
    Foi nisto que transformaram o SPFC num bando associativo que por pagar uma mísera mensalidade se acha dono de tudo e quando se fala em mudança diz que é impossível, que o associado é tolhido, não tem voz ativa, lembrar que onde não existe uma oposição honesta é por que a desonestidade impera servindo a todos.

  2. Ehhh turma que está tratando o São Paulo como brinquedo. Nunca entrei em um campeonato brasileiro tão preocupado, jamais acreditei que o São Paulo fosse cair, nem em 2013, mas esse ano, com esse elenco titular fraco e sem reservas acho mesmo que não vamos escapar da segundona.

    Se o Pablo tiver uma contusão séria, uma fratura, uma lesão de ligamentos, se ficar fora por toda a temporada, nós vamos depender de quem fazer os gols? Brenner? Pedro Bortoluzo? Vocês doaram nosso único centroavante reserva e não vão repor?

  3. Coitado do Cuca, vai ter que se desdobrar para fazer esse time jogar, fazer milagre com o que ele tem em maos, se nao chegar reforços do tipo esses que foi citado, nao vamos sair do lugar, e corremos sim risco de rebaixamento, alem logico de ficar ja de fora da outra fase do paulistinha que ja seria uma vergonha tao grande.
    Infelizmente Cotia virou bancao de venda de jogador, mal eles vingam e ja estao indo embora, pois no sao paulo sabem que nao ganharam nada, nenhum titulo.

  4. Meu amigo, se não chegarem reforços e se não forem trocadas urgentemente peças dessa engrenagem, podem apostar que é segundona na certa! Tudo tá seguindo o script para um rebaixamento que seria uma mancha histórica na história do São Paulo. Com esses dirigentes e diretores amadores que lá estão é quase certeza que passaremos mais um ano de sufoco e frustrações. O tricolor deixou a muito tempo de ser uma referência no Brasil e se tornou um balcão de negócios onde se trocaram o desejo de título por títulos ativos $$$. Por isso o futebol brasileiro vem se tornando a cada dia menos atrativo para os mais jovens pois vêem no futebol europeu a glória que antes tínhamos no quintal de casa. Quando houver uma instauração de CPI da LAVA JATO no futebol brasileiro muitos irão ficar espantados com o tanto de gatos enterrados nos clubes e confederações. Eu torço para que um dia isso aconteça a começar pelo SPFC. Onde foram parar as investigações que corriam em secreto no clube? Será que deram um “cala boca” na oposição? Parece que depois daquela viagem contra o Talleres na Argentina isso ficou bem claro que sim! #Oburacoémaisembaixo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.