Coritiba vence o São Paulo e garante vaga na final do Brasileiro Sub-20

O Coritiba venceu o São Paulo por 2 a 0 e conquistou a vaga inédita na final do Brasileiro Sub-20. Com gols de Thalisson Kelven, no primeiro tempo, e Mosquito, no segundo, o alviverde fez o resultado na segunda partida da semifinal, na Arena Barueri, na tarde desta terça-feira. No primeiro jogo, no Couto Pereira, os dois times empataram sem gols.

O São Paulo entrou em campo com: Lucas Paes; Walace, Rony, Rodrigo e Gabriel Sara; Cássio, Liziero, Igor, Paulinho Bóia, Caíque, Gabriel Novaes. O Coritiba jogou com: Arthur; Marcos Moser, Dinis, Romércio e Thalisson Kelven; Léo Andrade, Vitor Carvalho, Julio Rusch e Matheus Buenos; Mosquito e Indio

O Coritiba chega pela primeira vez em uma final do Brasileiro Sub-20. No ano passado, o time ficou na semifinal contra o Botafogo. O atacante Mosquito, do Coritiba, é o artilheiro do campeonato com nove gols. Ele ainda pode ser alcançado pelo atacante Jonata, do Cruzeiro, que tem quatro gols.

A Raposa enfrenta o Atlético-PR nesta quarta-feira, na outra semifinal. O primeiro jogo terminou em empate sem gols e a decisão da outra vaga na final será nesta quarta-feira.

Como o Coritiba tem a melhor campanha entre os quatro finalistas, a segunda partida da final será realizada no Couto Pereira. A data do jogo ainda não foi definida pela CBF.

Fonte: Globo Esporte

Um comentário em “Coritiba vence o São Paulo e garante vaga na final do Brasileiro Sub-20

  1. Pela primeira vez eu assisti a um jogo do sub20 tricolor em que o técnico demorou para ver os erros de seu time. Até então, me parecia que o Jardine era expert neste quesito. Ontem o time jogou o primeiro tempo todo “penso” para o lado direito; insistindo em procurar o Paulinho Bóia, que não estava bem, e só foi acordar no segundo, após estar perdendo o jogo. O time dominou todo o jogo mas pecou muito na hora de finalizar ou de escolher a jogada a fazer. O Coritiba e seu treinador tiveram muitos méritos na vitória. O treinador armou um esquema tático priorizando não tomar gol e o fez muito bem; além, é claro, de armar uma saída de bola rápida pelo lado esquerdo, em cima de seu melhor jogador e artilheiro do campeonato, o Mosquito, para contra-atacar. Se deram bem!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*