Com defesa em alta, Denis diz que SP não repetirá erros do 6 a 1

A maior vítima do Corinthians em sua casa é também um dos jogadores mais experientes do São Paulo hoje e consciente de que não dá para repetir os erros que levaram ao fatídico 6 a 1, no Brasileiro do ano passado, na mesma Arena. Na última quarta-feira, contra o César Vallejo (PER), Denis chegou a cem jogos pelo Tricolor, marca que dá confiança para escrever uma história diferente na casa do principal rival.

– Era preciso esperar o César Vallejo, em que tínhamos a necessidade de vencer e classificar. Depois é que pensamos no clássico. Trabalhamos duro para acertar os erros e fazer uma boa apresentação. Nosso time está mais organizado, mais compacto e está trabalhando desde a pré-temporada para jogar melhor e entrar mais ajustado em campo. Não vamos cometer os mesmos erros – garantiu o arqueiro, ao LANCE!.

Denis também não procura dar bola para o histórico na Arena Corinthians. Prefere minimizar os números e focar em seu papel dentro de campo. Com a aposentadoria de Rogério Ceni, é o novo dono da meta quem possui a responsabilidade de orientar os companheiros atrás.

– Sou o que mais sofreu gol, mas um dos que mais jogou. E o único que sofre gol é goleiro, não tem como trabalhar com essa estatística. Eu sempre deixo os números de lado. A minha preocupação maior é orientar a defesa para que o time possa jogar compacto como tem atuado. Vamos ver o que o Bauza vai passar para a equipe para fazermos um bom jogo e sairmos com a vitória – salientou o arqueiro são-paulino.

O goleiro pode não gostar de números, mas nem todos estão contra o São Paulo. O início desta temporada, por exemplo, já possui um alento. Com apenas dois gols sofridos em cinco jogos, a defesa tem o melhor início de ano desde 1999.

É um início promissor principalmente no primeiro ano sem o capitão Ceni. A defesa tem se saído bem, mesmo com baixas. Hoje à tarde, Breno e Lugano seguirão fora do time. O uruguaio ainda treina para ficar em condições de reestrear. Rodrigo Caio e Lucão devem formar a zaga titular. É a mesma que iniciou o 6 a 1 no ano passado.

Neste ponto, como Denis gosta, é melhor esquecer o passado. Domingo é dia de escrever uma nova história. Tudo começa lá atrás.

DEFESAS SÓLIDAS

1999
O São Paulo naquele ano bateu Bayer Leverkusen (ALE), Flamengo e Botafogo sem ser vazado. Contra Olimpia (PAR) e Corinthians, também venceu, mas sofreu gols de Torres e Marcelinho Carioca, respectivamente.
………………….
2016
O Tricolor de Edgardo Bauza venceu Cerro Porteño (PAR), Água Santa e César Vallejo (PER) sem sofrer gols. Roger, de pênalti, para o Red Bull Brasil, e Hohberg, em chutaço de fora da área para o Vallejo, foram os únicos a vazarem o São Paulo.

 

Fonte: Lance

2 comentários em “Com defesa em alta, Denis diz que SP não repetirá erros do 6 a 1

  1. AlexSC, ja sei o que acontece com o Lucão esse FDP é corintiano, só pode ser para cometer falhas bisonhas que ele cometeu no jogo passado e no de hoje, espero que para o nosso bem hoje tenha sido a ultima partida dele n o SP que ele va para PQP, e o raio que o parta

  2. é Denis ja repetiu o erro, esse Lucao nao sei que acontece, é garoto tudo bem, mas se nao dá melhor empresta-lo para um time pequeno para ganhar experiencia e aprender a jogar futebol, pq ja no 6×1 ja nos prejudicou e agora de novo, so tem 19 anos entao que va jogar em outro time para aprender a jogar, e que cagada.
    E assim fica facil ganhar o jogo com o adversario com 12, 13 em campo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*