Com custo-benefício ruim, Carlinhos pode deixar o São Paulo em 2017

Em baixa no São Paulo, Carlinhos pode estar vivendo seus últimos dias com a camisa tricolor. Apesar de ter contrato até o final de 2017, o jogador corre o risco de deixar o clube do Morumbi ao término desta temporada.

Durante a semana, o lateral-esquerdo vinha treinando normalmente e vivia e expectativa de retornar ao time titular são-paulino. Isso porque Luiz Araújo, que vinha atuando na vaga do machucado Kelvin, levou terceiro cartão amarelo e terá de cumprir suspensão automática contra a Chapecoense, neste domingo. Carlinhos, porém, não foi relacionado pelo técnico Ricardo Gomes e ficou fora da viagem para Santa Catarina.

Embora reconheçam a qualidade técnico do jogador, seu custo benefício é muito ruim. Das 68 partidas que a equipe já disputou em 2016, o defensor esteve presente em apenas 33. Em 2015, foi pior ainda, atuou apenas 30 vezes. E, como tem um dos salários mais altos do elenco, os dirigentes discutem se vale a pena manter o jogador no grupo. Na opinião deles, o ciclo do atleta está perto do final.

Além disso, pesa contra Carlinhos a enorme rejeição da torcida. No último jogo, contra o Grêmio, o camisa 6 foi chamado por Ricardo Gomes para entrar no segundo tempo na vaga de Luiz Araújo. Imediatamente foi vaiado. A cada jogada errada, o atleta era muito xingado pelos são-paulinos presentes no Morumbi. O pior momento foi quando ele tentou dar um drible da vaca no lateral Edilson e não completou a jogada.

É claro que, para liberar Carlinhos, o São Paulo também precisa definir quem da posição permanecerá para 2017. Isso porque Mena, que é titular absoluto, tem contrato de empréstimo até 31 de dezembro. Para ficar com o chileno em definitivo, o Tricolor teria de pagar R$ 5 milhões, o que já foi descartado pelos dirigentes, que podem oferecer uma troca ao Cruzeiro para tentar ficar com o defensor.

Há ainda o caso de Reinaldo, que atua por empréstimo na Ponte Preta. Ele tem contrato com o São Paulo até o final de 2017 mas, assim como Carlinhos, sofre com a enorme rejeição da torcida. Outros clubes têm interesse no atleta. A Macaca já mostrou que tem interesse em continuar com o jogador no próximo ano.

Dos nomes observados no mercado, dois agradam os dirigentes: Dener (Chapecoense) e Renê (Sport). O segundo interessou bastante ao clube do Morumbi nesta temporada, mas não foi possível viabilizar a negociação.

Veja as informações do São Paulo para a partida contra a Chapecoense:

Data e horário: domingo, às 19h30 (de Brasília)
Local: Arena Condá, em Chapecó (SC)
Escalação provável: Denis; Buffarini, Maicon, Rodrigo Caio e Mena; Thiago Mendes, João Schmidt, David Neres, Cueva e Robson; Pedro (Gilberto).
Desfalques: Wesley, Kelvin, Breno, Ytalo e Lucas Fernandes (machucados), além de Chavez e Luiz Araújo (suspensos)
Pendurados: Carlinhos, Denis, Hudson, João Schmidt, Kelvin, Lyanco, Mena e Michel Bastos
Arbitragem: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS), auxiliado por Leirson Martins (RS) e Maurício Coelho Silva Pena (RS)
Transmissão: Premiere, com narração de André Lino e comentários de Paulinho Criciúma

 

Fonte: Globo Esporte

2 comentários em “Com custo-benefício ruim, Carlinhos pode deixar o São Paulo em 2017

  1. “Pode” não; tem que deixar o São Paulo! Nem que precisem pagar 70% de seu salário, tem que sair do SPaulo. Ali ele fica tomando lugar de uma outra pessoa que pode vir a ser muito importante para o time, coisa que ele nunca foi nesses muitos meses em que teve oportunidades variadas. FORA CARLINHOS!!!

  2. Paulo Pontes! Vc promete que isso é verdade? Mas, me diga: o SPFC entregando esta porcaria para algum time… vai ter que pagar pra esse time não recusar a “grande” oferta?
    Se o SPFC vender esse jogador, será que não responderá, por estelionato?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*