Buffarini se despede do São Paulo: “Não faltou empenho e dedicação”

O lateral direito Buffarini foi oficializado nesta quarta-feira como reforço do Boca Juniors. Ele assinou contrato de três anos e meio com o clube de Buenos Aires e enviou uma mensagem de despedida ao São Paulo, equipe que defendeu por um ano e meio.

No texto postado em suas redes sociais, Buffarini fez questão de agradecer “companheiros de equipe e todos os membros das comissões técnicas”. Ainda por cima, deixou claro que “não faltou trabalho, empenho e respeito ao clube e torcida”

Contratado por indicação do técnico Edgardo Bauza, Buffarini chegou do San Lorenzo, da Argentina, sob grande expectativa. No entanto, ele encontrou dificuldades de adaptação principalmente na formação defensiva do time e nunca foi titular absoluto da lateral direita. Por isso, sua saída já era esperada.

Veja abaixo o texto de despedida do argentino:

“A partir de janeiro inicio uma nova etapa em minha carreira, agora no Boca Juniors.

Não posso sair do Brasil sem agradecer ao São Paulo Futebol Clube, aos meus companheiros de equipe e todos os membros das comissões técnicas que estiveram comigo em 1 ano e meio de contrato.

Tempo esse onde não faltou trabalho, empenho e respeito ao clube e torcida.

Desejo a todos um ótimo 2018 com muitos triunfos nessa nova temporada.

Um abraço,
Buffarini.”

 

Fonte: Gazeta Esportiva

6 comentários em “Buffarini se despede do São Paulo: “Não faltou empenho e dedicação”

  1. Não faltou raça e garra…

    E não é preciso ser gênio pra entender que futebol argentino é diferente do Brasileiro…

    Na argentina Centurion é sinônimo de drible…, chamado de Neymar argentino… aqui não driblava ninguém.

    Pq? Pq, lá ele é marcado por laterais argentinos… quem foi o melhor lateral argentino por varias anos seguidos ? Buffarini…

    SP se fodeu nas duas contratações pq esqueceram de comparar a performance deles com times brasileiros…
    1. Centurion atacando laterais brasileiros…
    2. Buffarini marcando atacantes brasileiros…

  2. O problema não é ele…..
    Foi quem o contratou…..
    Passou a madrugada fazendo esforço para aos 49″ do 2º tempo conseguir contratá-lo……
    Todo o esforço para isso ????
    Mas coitado, ele é limitado, não tem culpa…..
    Se esforçou, tem garra, correu atrás…..
    Mas não é jogador para o SPFC !!
    No mais, boa sorte e sucesso !

  3. Só faltou o básico do básico pra um jogador de futebol que é saber jogar bola.
    No mais boa sorte na Argentina.
    Mas foi um dos jogadores mais grossos que já vi atuar com a camisa do SPFC.
    Raça realmente ele

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*