Boca Juniors consulta situação e pode oficializar proposta por Centurión

O São Paulo pode perder mais um atacante nesta janela de transferências, depois de Jonathan Calleri e Alan Kardec. O Boca Juniors, da Argentina, fez uma consulta para saber qual a situação do argentino Ricardo Centurión no Tricolor Paulista e poderá fazer uma proposta oficial pelo jogador nos próximos dias. Por enquanto, foi apenas uma sondagem.

O argentino de 23 anos nunca foi unanimidade no São Paulo e tampouco conseguiu apresentar uma sequência de bons jogos no Tricolor, mesmo depois da chegada do técnico Edgardo Bauza, que lhe deu total respaldo para executar seu futebol. Além de Kardec e Calleri, o clube do Morumbi também perdeu PH Ganso para a Espanha e Rogério para o Sport Recife.

Centurión chegou ao São Paulo em janeiro de 2015. Foi contratado por R$ 14 milhões, com dinheiro emprestado pelo então empresário Vinicius Pinotti, hoje diretor de marketing do clube. Nesta temporada, disputou 33 partidas e marcou dois gols.

Vale lembrar que recentemente o Boca perdeu um de seus atacantes justamente para o São Paulo. Andres Chavez fez seu primeiro treino no CT da Barra Funda nesta terça-feira e deve ser apresentado pelo Tricolor nos próximos dias. No começo do ano, Jonathan Calleri deixou o plantel argentino.

 

Fonte: Lance

 

Nota do PP: Levem logo, por favor hermanos.

9 comentários em “Boca Juniors consulta situação e pode oficializar proposta por Centurión

  1. No mínimo, tem que emprestar. Já deram muitas chances para ele. Se for para continuar apostando, que apostem no Pedro ou no Luís Araújo.

  2. Se venderem ele o Bauza pede demissão, ficar sem seu amor é muito pra ele.
    Vaza logo e leva Bauza, Wesley e Migué Bastos, jogadores sem vontade ou perna de pau como esse CENTÚRION.

  3. Que ironia, trouxemos o Chavez e eles querem o Centurion, esperamos que seja melhor que Centurion pq ai livraremos desse grosso e ainda teremos um centroavante melhor, quem sabe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.