Após treino fechado, Ceni relaciona meias da base como novidades

Na busca pela primeira vitória no Campeonato Brasileiro, Rogério Ceni preparou duas novidades entre os relacionados para enfrentar o Avaí, nesta segunda-feira, às 20h, no Morumbi. Os meias Shaylon e Lucas Fernandes, formados nas categorias de base do São Paulo, aparecem na lista.

Nenhum deles, porém, tem garantia nem de que ficará no banco. O técnico relacionou 24 jogadores para a partida e será obrigado a cortar um. Com exceção dos dois, a lista é exatamente igual à que o Tricolor teve na derrota por 1 a 0 para o Cruzeiro, na primeira rodada da competição.

Mas a presença dos garotos pode indicar novas chances. Lucas Fernandes, recém-recuperado de duas lesões, é admirado por Ceni, mas o técnico se preocupa com o ritmo do meia de 19 anos e, por isso, até o liberou para disputar jogos com o time sub-20.

Já Shaylon, de 20, tem enfrentado concorrência no setor ofensivo e a diretoria procura um clube para que ele atue com mais frequência. Mas ele pode ter a chance de mostrar sua qualidade enquanto Luiz Araújo vive momento de baixa e Morato e Wellington Nem seguem afastados por lesão.

O São Paulo realizou na tarde deste domingo, no CT da Barra Funda, um treino fechado para enfrentar o Avaí e já iniciou a concentração. Ceni não deu pistas da escalação na última semana. É possível que repita a formação usada no Mineirão, no 3-4-2-1: Renan Ribeiro; Militão, Maicon e Rodrigo Caio; Thiago Mendes, Jucilei, João Schmidt e Junior Tavares; Marcinho e Cueva; Pratto.

Seguem como desfalques os volantes Wesley (estiramento na coxa direita) e Araruna (estiramento na coxa esquerda) e os atacantes Wellington Nem (artroscopia no joelho esquerdo) e Morato (cirurgia no joelho direito).

Confira os relacionados de Ceni:

Goleiros: Denis e Renan Ribeiro
Laterais: Bruno, Buffarini, Edimar e Junior Tavares
Zagueiros: Rodrigo Caio, Lucão, Lugano e Maicon
Volantes: João Schmidt, Thiago Mendes, Jucilei e Éder Militão
Meias: Cícero, Cueva, Thomaz, Lucas Fernandes e Shaylon
Atacantes: Chavez, Lucas Pratto, Gilberto, Luiz Araújo e Marcinho

6 comentários em “Após treino fechado, Ceni relaciona meias da base como novidades

  1. O problema do São Paulo não é tecnico , é diretoria que não conhece futebol , o Leco quando foi diretor de futebol já mostrou isso ,infelizmente vão ser mais 2 anos e meio de sofrimento até mudar a diretoria , pode colocar quem vcs quiserem que não vai dar jeito.

  2. Nao ‘e o Ceni,
    sao esses amareloes, e bons mocos.
    A Chapecoense renasceu,
    e vai bem com outro time recem formado.
    Remedio,
    RACA,
    VERGONHA,
    VONTADE,
    temos so’
    BADALACAO,
    PAPARICACAO,
    ALTA PLATA
    e
    nada de rendimento
    e
    vontade
    e
    raca & comprometimento.

  3. Mas na verdade quem é o burro Rogerio que sabe quem esta treinando melhor.ou quem não apoia o time e fica só criticando,precisamos apoiar e apoiar…..

  4. Técnico burro não vê que o SPFC precisa de um 4-3-3 (Sidão; Buffarini,Maicon,R. Caio,Bruno; Cícero,Jucilei,Thiago Mendes; Cueva, Luiz Araújo, Pratto).

  5. Vamos ver o que seu Rogerio Ceni vai apresentar de novidade desse treino fechado, vamos ver se tem jogadas em profundidade, ultrapassagem, lançamentos mais precisos, corta luz, troca de passes rapidos, marcação no campo do adversario, sufocando, pq ate agora todos os treinos fechado nao apresentaram nada disso, posse de bola 60, 70% nao quer dizer nada se nao ganha o jogo.
    Vamos aguardar amanha e ver no que vai dar, obrigacao ganhar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*