Apesar do empate, Aguirre exalta atuação do São Paulo no Maracanã

O empate, em 1 a 1, com o Fluminense passou longe de ser o resultado ideal para os são-paulinos no Maracanã. Apesar de ter sofrido o gol aos 43 minutos do segundo tempo e deixar o campo com o sentimento de derrota, o técnico Diego Aguirre preferiu destacar os aspectos positivos do Tricolor na partida, válida pela terceira rodada do Brasileirão.

– Fizemos uma apresentação boa, ficamos perto de ganhar. O São Paulo não conseguiu ganhar, mas mostrou uma cara boa. Não é ruim empatar fora de casa no Brasileiro, semana que vem vamos jogar em casa e podemos tentar ficar entre os primeiros. Acontece, levamos o gol no fim e temos de ver as coisas boas do time – afirmou o uruguaio, ainda no Maracanã.

O treinador também fez questão de falar sobre o retorno do meia-atacante Diego Souza entre os titulares. O camisa 9, que não iniciava uma partida desde o dia 17 de março, quando o Tricolor mediu forças com o São Caetano, no jogo de ida das quartas de final do Paulistão, foi substituído nos minutos finais do segundo tempo e teve atuação discreta.

– Diego Souza fez um bom jogo, fazia tempo que não jogava, mostrou que pode jogar muito. Tivemos chance de fazer o segundo gol e acabamos levando. Gostaria de ter vencido, mas não é ruim empatar fora – concluiu Aguirre, não escondendo a frustração pelo empate no Rio de Janeiro.

A sensação era de que o Tricolor do Morumbi dominava o confronto, apesar da postura defensiva nos minutos finais do confronto. Contudo, aos 43 minutos do segundo tempo, Robinho foi até a linha de fundo e cruzou na medida para o centroavante Pedro ganhar a dividida de Arboleda e mandar a bola para o fundo da rede defendida por Sidão, empatando a partida.

Apesar da frustração, o São Paulo se mantém invicto no Brasileirão. Em três jogos, o Tricolor soma cinco pontos, com uma vitória e dois empates (ambos fora de casa). Na próxima rodada, no sábado (4), a equipe do Morumbi mede forças com o Atlético-MG, em casa, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro.

 

Fonte: Lance

5 comentários em “Apesar do empate, Aguirre exalta atuação do São Paulo no Maracanã

  1. Eder Militão;

    Se o Sã Paulo procurar um jogador igual ao Militão, primeiro, não acha. Segundo, não vai acertar e entrosar fácil. Então, por que não compra o Militão ?????
    Pague o valor do mercado( até uns 10 milhas) Garanto que com até 5 milhões
    ele aceita e ainda deixa o FDP do empresario dele fora !!!!!! Faça um contrato de 7 anos e, se nesse interim aparecer um p oferta dá para vender por uma grana preta !!!
    Negocio mais inteligente p/ o clube !!!

  2. Aguirre foi bem.
    Armou o time organizado e mandou no 1o tempo.
    No 2o fechou a casinha.

    Só achei que deveria ter colocado o Valdivia e o Marcos Guilherme.
    O Nene e o Régis pregaram… e o DSousa poderia fazer gol jogando não banheira, com 3 jogadores que atacam e recompõem rápido como o Éverton,Valdivia e mguilherme.

  3. Mesmo quando o Sampa era grande,
    ganhar na casa dos adversarios nao era facil.
    Nao estou dizendo que fiquei contente com o resultado
    mas que houve falta no nosso zagueiro,
    ahhh isso houve mesmo.
    Mas tens unszinhos irracionais
    que so’ querem jogar pedra na geni
    isso e’ deprimente.

  4. Empate é bom fora de casa quando o adversario é mais forte que vc, e quando vc nao toma o empate no final do jogo,quer dizer mais uma vez tomamos um gol no finalzinho por falta de atençao.

  5. Para um técnico com pensamento pequeno , qualquer empate fora ele achara bom , achou bom empatar com Ceará que tomou 3 do Flamengo hoje , infelizmente este é o São Paulo de hoje um clube que se apequenou e pensa pequeno , com um treinador com mentalidade do tamanho do clube atualmente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*