Aos 30, Thomaz chega com sonho de repetir sucesso de ídolos tricolores

Aos 30 anos de idade, Antonio Thomaz Santos de Barros, ou só Thomaz, foi apresentado oficialmente na tarde desta segunda-feira no São Paulo. Após receber a camisa 19 do diretor de futebol José Jacobson Neto, o meia disse sonhar em repetir o sucesso de grandes ídolos do clube. Ele terá três temporadas para alcançar o seu objetivo.

“Na minha época era o Denílson, o Rogério sempre. Depois o Kaká estourou, arrebentando. Foram jogadores que eu tive como referência. Vou tentar repetir o sucesso que eles tiveram aqui”, projetou o jogador, que atuou no Tricolor como amador, entre 1998 e 2002.

“É uma alegria imensa voltar ao clube que me formou tecnicamente. Aqui eu decidi ser jogador de futebol. Meu objetivo é disputar títulos, estou chegando para ajudar”, acrescentou o atleta, que terminou sua formação no Corinthians e no Internacional.

Com uma vasta rodagem, Thomaz defendeu 17 clubes em um período de 14 anos até chegar ao São Paulo, pelo qual estreou na vitória por 2 a 0 sobre o Linense, no último domingo. Ainda novo, deixou o grande centro do futebol para experimentar mercados como o suíço e o norte-americano.

Quando voltou, teve dificuldades em se colocar em equipes maiores, passando por clubes como Caxias, Audax e Brasiliense, antes de ser contratado pelo Jorge Wilstermann-BOL e cogitar até a defender a seleção boliviana.

“Fui para a Europa muito cedo, fiquei dois anos, voltei e perdi um pouco de mercado dos clubes grandes. Tive que passar pelos menores, me firmei mais na Bolívia e veio a vitrine que é a Copa Sul-americana e a Libertadores”, relatou, impressionado com a diferença de estruturas entre o atual e o ex-clube.

“Nem se compara. O São Paulo é o maior do Brasil, um dos maiores do mundo. Claro que é um grande clube na Bolívia, mas quando recebi a proposta do São Paulo não pensei duas vezes”, concluiu o jogador, que também foi sondado pela Ponte Preta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*